Jornal do Commercio
REFORÇO

Jaboatão lança curso de preparação de vestibular para alunos do 9º ano

Programa vai atender 1400 estudantes da rede municipal

Publicado em 18/05/2017, às 14h27

As aulas vão acontecer aos sábados, das 8h às 12h / Foto: Divulgação / OBM
As aulas vão acontecer aos sábados, das 8h às 12h
Foto: Divulgação / OBM
Editoria de Cidades

Aulões, simulados, passeios culturais e testes de avaliação. Os próximos dias serão de muito trabalho e estudo para os alunos do nono ano da rede municipal de ensino de Jaboatão dos Guararapes, Região Metropolitana do Recife. O programa Jaboatão Prepara foi lançado esta semana pela Prefeitura e é voltado para estudantes da rede pública que pretendem tentar uma aprovação em escolas técnicas e institutos federais de educação do estado. São 1400 vagas disponíveis para cerca de 4500 alunos que irão seguir para o ensino médio. As aulas acontecem aos sábados, das 8h às 12h, e seguem até o mês de novembro.

“Eram 1200 estudantes até o ano passado e fizemos um aumento de 17% no número de alunos beneficiados pelo programa. Nossa meta é chegar a 100% nos próximos dois anos. Mas não é apenas a quantidade. Estamos reformulando a estrutura, que passa a oferecer mais do que aulas e simulados. ”, disse a secretária de Educação de Jaboatão dos Guararapes, Ivaneide Dantas. Ela explica que, além do modelo tradicional de ensino, no formato expositivo dentro das salas de aula, os alunos terão a oportunidade de fazer testes vocacionais, assistir a aulões temáticos, ter o acompanhamento das notas, participar de gincanas culturais, palestras motivacionais e feiras sobre as profissões e visitar espaços acadêmicos, profissionais, como o Espaço Ciência e museus. “A cada simulado, vamos acompanhar as notas desses estudantes e perceber quais são as principais dificuldades. Queremos facilitar o processo de escolha dos estudantes para um curso técnico específico, dar a eles a oportunidade de conhecer as escolas e institutos onde vão estudar, para se familiarizarem com o ambiente, e queremos também envolver os pais nessa caminhada”, pontuou.



Pensando nas avaliações nacionais

Além da preparação dos alunos para as provas dos institutos federais, o Jaboatão Prepara também visa as notas de avaliações educacionais. O desempenho do município no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB)tem se mostrado bom nos últimos anos, mas o objetivo da Secretaria de Educação é ampliar os resultados. De 2013 para 2015, a nota no IDEB foi para os anos finais foi de 3,4 para 4,3, sendo que essa última nota ultrapassou a meta estabelecida para 2019, de 4,3. “A participação no Jaboatão Prepara ajuda também para alcançarmos as metas estabelecidas pelo Ministério da Educação e por nosso município.

A seleção dos alunos que irão participar do Jaboatão Prepara foi feita a partir da performance das notas de Português e Matemática, junto a uma avaliação realizada pelo Conselho de Classe, que observou aspectos específicos. Para ministrar as aulas, foram escolhidos 25 professores da própria rede municipal de ensino, que darão as aulas em quatro polos espalhados pela cidade: a Escola Técnica Estadual Maximiano Accioly Campos, que fica em Jaboatão Centro, Escola Municipal Barão de Muribeca, em Muribeca, Escola Municipal Oscar Moura, no bairro de Piedade, e na Escola Municipal Vereador Antônio Januário, localizada em Prazeres.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM