Jornal do Commercio
EDUCAÇÃO

Recife terá audiência pública sobre a BNCC dia 28 de julho

Ministro da Educação, Mendonça Filho, participou de debate nesta segunda-feira, na Rádio Jornal, e falou sobre a Base Curricular

Publicado em 19/06/2017, às 17h40

Ministro Mendonça Filho conversou sobre educação e política no debate da Rádio Jornal / Foto: Guga Matos /  JC Imagem
Ministro Mendonça Filho conversou sobre educação e política no debate da Rádio Jornal
Foto: Guga Matos / JC Imagem
da editoria de Cidades

Recife será a segunda cidade do País a sediar audiência pública, dia 28 de julho, sobre o texto da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) referente à educação infantil e ao ensino fundamental. O Ministério da Educação (MEC) vai realizar um encontro por região, começando em Manaus no dia 7 de julho e terminando em Brasília no dia 11 setembro. O ministro da Educação, Mendonça Filho, falou sobre a BNCC durante debate, na manhã desta segunda-feira (19, na Rádio Jornal.

“Espero homologar a BNCC da educação infantil e do ensino fundamental até o final de dezembro. O texto foi entregue ao Conselho Nacional de Educação, que tem liberdade para modificar. Sobre a BNCC do ensino médio, a expectativa é tê-la aprovada até o início de 2018”, afirmou. A base será essencial para que a reforma do ensino médio avance, uma vez que vai nortear o conteúdo das disciplinas para essa etapa da educação básica.

O ministro disse ainda, no debate, que o edital do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) será lançado na próxima terça-feira (dia 27). A avaliação é voltada para as pessoas que não concluíram o ensino médio no tempo certo e querem obter o diploma. Até o ano passado, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) permitia que o candidato conquistasse a certificação, desde que somasse 450 pontos nas provas objetivas.



Mendonça Filho informou que na próxima semana lançará mais vagas para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) do segundo semestre e que deve haver mudanças “que vão facilitar e ampliar o público atendido”, destacou.

Sobre o Enem, o ministro disse que vai defender, junto à presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Maria Inês Fini, que os gabaritos sejam divulgados de uma só vez. Este ano, as provas serão aplicadas em dois domingos seguidos (5 e 12 de novembro).

Mendonça Filho garantiu ainda que não haverá burocracia na liberação de recursos para recuperação de escolas nas cidades atingidas pelas enchentes do Estado. O MEC separou R$ 30 milhões para atender os colégios com problemas de infraestrutura.

 


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Educação, emprego e futuro Educação, emprego e futuro
Investir em educação é um pressuposto para o crescimento econômico, a geração de empregos e o aumento da renda. Aos poucos, empresas dos mais variados setores entram numa engrenagem antes formada apenas pelo poder público.
Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM