Jornal do Commercio
Competição

IFPE abre inscrições para olimpíadas científicas escolares

Podem participar das olimpíadas escolas públicas e particulares com alunos do ensino médio. Inscrições vão até dia 30 de setembro

Publicado em 04/08/2017, às 13h07

Inscrições são feitas através de cartas-convites enviadas pelo IFPE / JC Imagem
Inscrições são feitas através de cartas-convites enviadas pelo IFPE
JC Imagem
Da Editoria de Cidades

As inscrições para as Olimpíadas Científicas do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE) estão abertas até o próximo dia 30 de setembro. Entre as modalidades, estão as de Astronomia, Física e Foguetes e qualquer escola, pública ou particular, seja ela regular ou profissionalizante, pode inscrever seus alunos do Ensino Médio.

As inscrições são realizadas através de uma carta-convite enviada pelo IFPE para as escolas, que devem responder o formulário até o dia 30 de setembro. Após essa data, as instituições inscritas terão um prazo para realização das competições em suas próprias dependências.



No caso de Astronomia e Astronáutica , o professor representante deverá aplicar a prova no dia 06 de outubro. Já os participantes da Olimpíada de Física devem aplicar o exame no dia 13 de outubro. Já escolas interessadas em participar da II Olimpíada Pernambucana de Foguetes devem realizar os lançamentos e registrar os respectivos alcances obtidos pelos estudantes até dia 06 de outubro. Cada uma das competições é uma preparação para as olimpíadas nacionais e internacionais de cada uma das respectivas áreas.

 


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Educação, emprego e futuro Educação, emprego e futuro
Investir em educação é um pressuposto para o crescimento econômico, a geração de empregos e o aumento da renda. Aos poucos, empresas dos mais variados setores entram numa engrenagem antes formada apenas pelo poder público.
Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM