Jornal do Commercio
cidades cidades
  • Tamanho do texto:
  • A-
  • A+

PASTA BASE

Polícia Federal realiza apreensão histórica de drogas em Pernambuco

As investigações duraram cerca de 2 meses

Publicado em 08/05/2011, às 11h50

Fábio Jardelino

Do JC Online

 / Foto: PF/Divulgação

Foto: PF/Divulgação

Depois de dois meses de investigações, agentes da Policia Federal (PF) lotados na Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE), realizaram a maior apreensão de pasta base de cocaína da história de Pernambuco. A droga foi encontrada na casa de Wendel Batista Guimarães, um dos traficantes presos, e no porta-malas de um Celta de placa PFA 7409, também do acusado. Junto com a droga, foram apreendidas armas e uma grande quantidade de dinheiro. No total, a operação prendeu cinco pessoas, incluindo um soldado da Policia Militar (PM) que dava auxílio à quadrilha.

A ação se deu por volta das 13h do último sábado (7), quando foram montadas três equipes de policiais federais. Os agentes se dirigiram ao local marcado pelas investigações, que seria a casa de Wendel Batista Guimarães, localizada no bairro da Iputinga, na Zona Oeste do Recife. De acordo com as investigações, a casa seria o local de armazenamento e negociação de uma grande quantidade de pasta base de cocaína. Quando chegaram ao destino, os federais visualizaram um Ford Ranger, placa MXP 3404, de Aracaju (SE), estacionada na frente da residência. Quando Wendel estava saindo no Celta, ele foi abordado pelos agentes.

Ele confessou que estava transportando três sacolas de pasta de cocaína, que totalizaram 57 quilos do entorpecente. Ao entrar na sua residência, os agentes da PF encontraram mais 108,2 quilos de pasta base, além de duas pistolas .40, uma delas com inscrição da Polícia Civil de Pernambuco, e 36 munições.  Também foram encontrados R$ 155,86 mil, em espécie.

No momento da prisão, Wendel revelou que iria se encontrar com mais três pessoas em um bar próximo a sua casa para fazer a entrega da droga. Numa moto estava Gilvan Manoel do Nascimento, 42, que já foi preso por assalto. Em um carro estavam Arthur José da Silva, 33, soldado da Polícia Militar, lotado atualmente no 17º Batalhão. Ele estava com um revolver calibre 38 e seis munições. Também no carro estava José João da Silva, 32.

Ainda na casa de Wendel, os agentes da PF realizaram a prisão em flagrante do líder da quadrilha, Marcos Roberto Marques Lisboa, 36, natural de Aracaju (SE), que tocou o interfone da residência sem saber que os policiais estavam lá.

Após a descoberta da droga, todos receberam voz de prisão em flagrante, sendo levados para a Superintendência da PF no cais do Apolo. Lá, os presos foram autuados por tráfico interestadual de entorpecentes e associação ao tráfico de drogas. Caso sejam condenados poderão pegar penas que variam de 5 a 20 anos de reclusão. Acusados foram encaminhados para o Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel). O soldado da PM foi encaminhado para o Centro de Reeducação de Abreu e Lima (Creed).

A PF considera esta a maior quadrilha de fornecimento de pasta base de cocaína em Pernambuco e sua atuação está completamente desarticulada. De acordo com a polícia, o líder da quadrilha era Marcos. Seu gerente seria Wendel e os seus clientes repassadores da droga seriam José e Gilvan. O soldado da PM, Arthur, daria segurança, fazendo escolta da droga e informando a localização de blitzes.

ENTENDA:

Caso a droga fosse transformada em crack, renderia aproximadamente 661 quilos, o que corresponde a 2,644 milhões de pedras. O crack seria comercializado na região metropolitana, agreste e sertão de Pernambuco.

Esta é a sétima apreensão de drogas realizada pela Polícia Federal em 2011. Até agora foram presas 17 pessoas, todos homens. A quantidade de droga apreendida até agora é de 247,4 quilos de pasta base de cocaína, 19,7 quilos de crack e 253 quilos de maconha, sem levar em consideração as apreensão ocorridas no aeroporto dos Guararapes.

No ano de 2010, 60 pessoas foram presas por tráfico, sendo 49 homens e 11 mulheres. A quantidade de material apreendido foi de 83,9 quilos de pasta base de cocaína, 43,9 quilos de crack, 10,1 quilos de cocaína, 1,5 tonelada de maconha e 438 ampolas de lança perfume.

Confira a reportagem da Rádio Jornal:

Confira a galeria de imagens:


Galeria de imagens

Legenda
Anteriores
Próximas

 

Palavras-chave

imprima
envie para um amigo
reportar erro

Comentários

Por Anna,17/05/2011

Parabéns pro jornalista, a matéria tá super clara, objetiva e bem escrita! :)

Por CLAUDIO LEMOS,09/05/2011

POLÍCIA FEDERAL ORGULHO DO NOSSO ESTADO. PARA DESARTICULAR UMA MEGA QUADRILHA DESSA CHEIA DE DINHEIRO SÓ MESMO A PF . SE FOSSE OUTRA FORÇA POLICIAL O DINHEIRO FALARIA MAIS ALTO. TÁ NA CARA QUE AS POLÍCIAS DO NOSSO ESTADO ESTÃO COMPRADAS.

Por GUTO DA SILVA,09/05/2011

PARABÉNS POLICIA FEDERAL ISSO SIM É UM TRABALHO DE INVESTIGAÇÃO POLICIAL. PC E PM APRENDAM COM A PF E TRATEM MELHOR O CIDADÃO. AQUELA COCAÍNA DO BARCO IA PARA EUROPA JÁ ESSA PASTA BASE CAUSARIA ESTRAGOS AQUI EM PE.

Comentar


nome e-mail
comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

Últimas notícias

Anteriores
Próximos

Fotos do dia

No Arruda, o Santa Cruz é derrotado pelo Avaí por 1x0 e sepulta chances de acesso à Série A
Foto: Guga Matos/JC Imagem

> JC Imagem

No Arruda, o Santa Cruz é derrotado pelo Avaí por 1x0 e sepulta chances de acesso à Série ANo Arruda, o Santa Cruz é derrotado pelo Avaí por 1x0 e sepulta chances de acesso à Série ANo Arruda, o Santa Cruz é derrotado pelo Avaí por 1x0 e sepulta chances de acesso à Série ANo Arruda, o Santa Cruz é derrotado pelo Avaí por 1x0 e sepulta chances de acesso à Série ANo Arruda, o Santa Cruz é derrotado pelo Avaí por 1x0 e sepulta chances de acesso à Série A

Especiais JC

Especial Novembro Azul Especial Novembro Azul
Site mostra os riscos do câncer de próstata e a importância da prevenção da doença.
Mapa das eleições 2014 Mapa das eleições 2014
Veja como foi a votação para presidente por Estado
Facebook Twitter RSS Youtube
Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM