Jornal do Commercio
Apoio

População apoia a paralisação dos rodoviários, mas reclama do efeito surpresa

Fato da greve não ter sido avisada provocou transtornos para milhares de passageiros

Publicado em 22/08/2014, às 09h33

Passageiros esperam nas estações os poucos ônibus que circulam   / Foto: Diego Nigro/ JC Imagem

Passageiros esperam nas estações os poucos ônibus que circulam

Foto: Diego Nigro/ JC Imagem

Do JC Online

Apesar dos transtornos provocados pela paralisação dos ônibus no Grande Recife desde o começo da manhã desta sexta-feira (22), a população apoia a decisão de motoristas e cobradores. Através das redes sociais o grupo também se mostra contrário à redução do percentual do salário dos motoristas, mas questiona não ter sido informada previamente para se preparar para a falta de ônibus na rua.

No começo da manhã, o Jornal do Commercio questionou através de sua página no Facebook as dificuldades de pegar ônibus no Região Metropolitana do Recife (RMR). Muitos internautas contaram as dificuldades e prestaram seu apoio à manifestação.

A internauta Geandra Menezes comentou que deveriam ter divulgado a falta de ônibus circulando nas ruas" Deveriam ter avisado", afirmou. 

A internauta Monika Hartelt publicou que os motoristas devem reivindicar seus direitos.  " Os motoristas estão certos em parar!!! Dão o aumento e agora tiram por que?", questinou.

Outro internauta, Leandro Cavalcanti, também manifestou na rede social seu apoio à paralisação e comentou sobre os baixos salários da categoria. " Apoio os rodoviários, queria ver quem está reclamando aqui tivesse um aumento e o patrão depois não desse".

A categoria parou as atividades depois que um recurso  do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado de Pernambuco (Urbana-PE) foi aceito pela justiça. 

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) entendeu que o reajuste concedido foi além dos limites do poder normativo da Justiça do Trabalho. Foram suspensas o aumento do piso da categoria de 10% e mantido o de 6%. 




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Educação, emprego e futuro Educação, emprego e futuro
Investir em educação é um pressuposto para o crescimento econômico, a geração de empregos e o aumento da renda. Aos poucos, empresas dos mais variados setores entram numa engrenagem antes formada apenas pelo poder público.
Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM