Jornal do Commercio
LIMPEZA URBANA

Com paralisação de garis, Recife amanhece com lixo acumulado

Profissionais de Jaboatão dos Guararapes, de Olinda e Paulista decidem neste fim de semana se paralisam as atividades

Publicado em 08/04/2017, às 10h30

Lixo acumulado na manhã deste sábado em frente a um colégio, no bairro das Graças / Foto: Cortesia
Lixo acumulado na manhã deste sábado em frente a um colégio, no bairro das Graças
Foto: Cortesia
JC Online

Como prometido na sexta-feira (7), após reunião entre garis e representantes do Sindicato dos Profissionais de Limpeza Urbana de Pernambuco, a coleta de lixo foi paralisada e o Recife amanheceu, neste sábado (8), com lixo acumulado em vários pontos. O serviço fica interrompido no Recife até a próxima segunda-feira (10), quando uma nova assembleia decide se a paralisação continua. 


Galeria de imagens

Legenda
Anteriores
Próximas

Através do Comuniq, cidadãos reclamaram da falta de coleta de lixo em diversos bairros como Boa Viagem, Boa Vista e Graças.

Profissionais de Jaboatão dos Guararapes fazem assembleia neste sábado, enquanto os de Olinda e Paulista decidem no domingo se também paralisam.

Razões da paralisação

Entre as reivindicações da classe, estão melhores condições de trabalho e a manutenção do emprego. Esta última se deve a uma decisão do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) ( que proíbe o profissional de realizar a coleta pendurado no estribo dos caminhões caçamba.

Paralisação considerada ilegal

O Tribunal Regional do Trabalho (TRT - 6ª região) considerou a greve ilegal. A decisão foi do vice-presidente do órgão, Valdir José Silva de Carvalho. A coleta de lixo urbano é considerada uma atividade essencial, ou seja, mesmo com a paralisação a empresas e o sindicato responsáveis pelo recolhimento devem garantir o serviço. Pelo menos, 50% dos trabalhadores devem voltar ao trabalho imediatamente, sob pena de R$ 30 mil por dia.



Com relação à determinação do MTE, o documento explica que a realização da coleta pendurado no estribo dos caminhões caçamba oferece risco aos profissionais, por isso foi proibida.

Nota da Emlurb

Na sexta-feira, a Empresa de Manutenção e Limpeza Urbana do Recife (Emlurb) se posicionou a respeito da paralisação através de uma nota. Confira a íntegra do comunicado abaixo:

"A Autarquia de Manutenção e Limpeza Urbana do Recife (Emlurb) informa que está monitorando a paralisação das empresas responsáveis pela limpeza urbana da cidade e que está buscando junto ao Ministério Público do Trabalho uma medida cautelar para que o serviço seja retomado imediatamente. O problema é decorrente de uma situação exclusiva entre as empresas e o TRT-PE.

O município está atuando na tentativa de contribuir para que as partes entrem em acordo, uma vez que a população não pode ser prejudicada, sobretudo, nesse período de inverno, quando o descarte de lixo pode provocar problemas ainda mais sérios como alagamentos e deslizamento de barreiras. A Emlurb reforça, ainda, que está em dia com os pagamentos das terceirizadas."


Recomendados para você


Comentários

Por Henry David Thoreau,09/04/2017

Com impostos escorchantes e malversação do dinheiro público como uma constante na Banânia, a problemática do lixo nas grandes cidades dessa nação fracassada, soa mais como um capítulo nefasto da corrupção. A primeira coisa que nos vem à mente nessas situações é a seguinte: como é feito o contrato de prestação de recolhimento do lixo na Cidade do Recife?! Existe algum tipo de problema com esse contrato?! Os cidadãos que pagam impostos, mais especificamente o famigerado IPTU, desejam saber o que realmente está acontecendo. É um direito daqueles que pagam pela morte impostos altíssimos para péssimos serviços.

Por Paula,08/04/2017

Tiveram a "ideia" de colocarem plantas em pneus e os espalharam nos locais onde jogam lixo nos bairro de San Martin. O que fizeram foi apenas transferir o problema,porque retiraram o lixo de um local e transferiram para a calçada da praça de San Martin, no giradouro. O lixo espalhado no Recife, não é novidade, agora sem a coleta, piorou mais ainda.

Por Sergio Dias,08/04/2017

Atenção Sr. Prefeito do Recife, não houve atraso na entrega do carnê do IPTU onde consta a taxa de limpeza. Agora também queremos urgência na solução porque já basta a fedentina e a sujeira da cidade que o senhor administra e muito mal, e agora aumentando com o lixo espalhado pela cidade.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM