Jornal do Commercio
DESAPARECIMENTO

Família procura rapaz que desapareceu no Recife

Luca Fasanaro, 22 anos, é casado e pai de um menino de sete meses

Publicado em 11/06/2017, às 13h56

De acordo com a mãe, Michelle Fasanaro, ele não levou o celular para o encontro e, por isso, não foi possível fazer contato com ele / Foto: Divulgação
De acordo com a mãe, Michelle Fasanaro, ele não levou o celular para o encontro e, por isso, não foi possível fazer contato com ele
Foto: Divulgação
JC Online

Um rapaz de 22 anos está desaparecido desde a última sexta (9), após se encontrar com uma cliente para buscar parte do dinheiro de uma encomenda, em frente a uma loja de calçados, na Praça de Beberibe, bairro de mesmo nome, Zona Norte do Recife. Luca Fasanaro, casado e pai de um menino de sete meses, trabalha com a esposa no comércio de kit festas e tinha o hábito de se encontrar com os clientes para pegar o valor dos pedidos.

De acordo com a mãe, Michelle Fasanaro, ele não levou o celular para o encontro e, por isso, não foi possível fazer contato com ele. "A moça entregou os R$ 50 a ele e não o viu mais. Ainda entramos em contato com ela para saber, porque ela não conseguiu a encomenda e acabou ficando no prejuízo, mas disse que não sabe de nada", relata.

Ela conta que ele tinha por hábito sair para pegar o valor das encomendas, comprar os produtos e fazer as entregas, por isso, no primeiro momento, a família não desconfiou do desaparecimento. "Minho nora acreditou que ele tinha ido comprar o material para fazer o pedido, mas ele não apareceu mais", relembra.



Boletim de Ocorrência 

No fim da tarde desse sábado, a família foi à Delegacia de Água Fria, de onde foram encaminhados à Central de Flagrantes, no bairro de Campo Grande, quando fizeram o boletim de ocorrências. "A polícia pediu para que a gente entrasse em contato com o IML (Instituto de Medicina Legal) e com os hospitais. A partir daquele momento as delegacias estavam cientes e que na segunda a gente voltasse lá para dizer se tinha alguma posição", explica.

Quando desapareceu, o rapaz estava vestido com um boné cor de vinho, camisa azul e calça jeans. Caso tenha alguma pista sobre o paradeiro dele, entrar em contato pelo número 98425-0629 e falar com Michelle.

Drama familiar

Em 2013, a família Fasanaro passou por outro drama: a morte da irmã de Michelle, Danielle Solano Fasanaro, na época com 35 anos. A modelo foi morta a tiros pelo marido Emerson Du Vernay Brandão (inicialmente, ele foi identificado como André Cabral Muniz). Por horas, Emerson manteve o filho de Danielle refém, quando resolveu se entregar à polícia. Preso, o acusado espera por julgamento por júri popular, que deve acontecer no próximo dia 24 de agosto. 


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

O Mundo de Rafa O Mundo de Rafa
Rafael foi diagnosticado com síndrome de Asperger apenas aos 11 anos. Seus desenhos contam pedaços muito importantes da sua história. Exprimem momentos de alegria, de comemoração e também de desabafo, de dor
Gastos dos parlamentares pernambucanos Gastos dos parlamentares pernambucanos
Os deputados federais da bancada pernambucana gastaram, no 1º semestre deste ano, R$ 5,1 milhões em verbas de cotas parlamentares. Já os senadores gastaram R$ 692 mil. Os dados foram coletados com base no portal da transparência da Câmara e do Senado
Um metrô ainda renegado Um metrô ainda renegado
São 32 anos de operação e uma eterna luta por sobrevivência. Esse é o metrô do Recife

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM