Jornal do Commercio
EDUCAÇÃO

Vestibulinhos para unidades de referência no Recife

Ao todo, são 125 vagas para o sexto ano do ensino fundamental

Publicado em 08/08/2017, às 07h42

Muitos alunos recorrem a cursinhos durante a preparação / Léo Motta/JC Imagem
Muitos alunos recorrem a cursinhos durante a preparação
Léo Motta/JC Imagem
JC Online

Crianças, a maioria com idades entre 10 e 11 anos, estão de olho em 125 vagas do 6º ano do ensino fundamental em três disputadas unidades de ensino públicas da capital pernambucana: Escola de Aplicação do Recife, da rede estadual, localizada na Madalena; e os Colégios de Aplicação da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), na Cidade Universitária; e Militar do Recife, no Engenho do Meio, ambos federais. São mais de mil candidatos. Muitos passam o ano se preparando para os testes, considerados verdadeiros vestibulares diante da grande concorrência.


“Não adianta o desejo de ingressar em uma dessas escolas ser apenas dos pais. Se a criança não tiver essa vontade também, não se dedicar, ela pode estudar no melhor cursinho, ter os melhores professores, que não conseguirá aprovação”, ressalta Humberto Holanda, diretor do cursinho Vencer, com a experiência de participar desse processo há 19 anos. Ele ensina matemática para a garotada que frequenta o curso duas vezes por semana, na Madalena. Além dessa disciplina, elas têm aulas de português.


Mãe de um adolescente de 14 anos que está no 9º ano do ensino fundamental no Aplicação da UFPE, Sandra Nascimento agora acompanha a filha Maria Clara Coelho, 10 anos, no cursinho. “A dedicação é da família toda, pois temos que ficar junto, apoiar e cobrar”, diz Sandra. “Gosto muito da escola. Os professores são muito bons. Estar dentro da universidade é legal”, comenta Felipe Leônidas, 13, aluno do 8º ano do Aplicação.

PROVAS


As três unidades de referência selecionam seus alunos com provas de português e matemática. Há, ainda, redação, exceto no Aplicação do Recife. As inscrições para o Colégio Militar estão abertas até o dia 28. O Aplicação da UFPE dá início amanhã (9) ao cadastramento dos candidatos. Já o edital do Aplicação do Recife ainda não saiu. A previsão é de que seja liberado até a próxima semana. As inscrições terão início este mês, segundo a direção da escola.




Na UFPE, metade das 60 vagas é destinada a egressos da rede pública. Todos os estudantes do fundamental têm aulas nos dois turnos duas vezes por semana. No ensino médio, são três vezes. Além do currículo regular, há teatro, música e arte. A escola é gratuita. Ano passado, as 30 vagas destinadas ao candidatos da rede privada tiveram 1.800 concorrentes. As 30 da rede pública contaram com 80 postulantes. Mais de 80% do corpo docente tem título de mestre ou doutor.


O Colégio Militar também oferece 10 vagas para o ensino médio, além das 35 do fundamental. Regularmente, currículos e metodologias de ensino são revisados. Alunos com dificuldade de aprendizado contam com reforço no contraturno. A prática esportiva é bastante estimulada, assim como a cobrança por disciplina, respeito e valores. Há pagamento de mensalidade (R$ 180 para o fundamental e R$ 200, para o ensino médio). Em 2016 houve cerca de 1.800 inscritos na seleção.


A Escola de Aplicação do Recife funciona no prédio da Faculdade de Administração da Universidade de Pernambuco (UPE). Todas as salas são climatizadas, os professores são qualificados (80% com mestrado) e os alunos aprendem metodologia de ensino. A participação das famílias é um diferencial. Há cotas para candidatos de escolas públicas (30% das vagas).


Palavras-chave

Recomendados para você


Comentários

Por Mark Twain,08/08/2017

Colégio Militar do Recife: ALMA GARANÇA!



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Prêmio ISS Recife Prêmio ISS Recife
Principal item da receita própria dos municípios, o Imposto Sobre Serviços (ISS) entra no cofre das prefeituras tanto para custear despesas quanto para viabilizar investimentos nas cidades.
#ConexãoPelaVida #ConexãoPelaVida
Há quase dois séculos, o Real Hospital Português mantém a sua atenção voltada para o bem-estar dos pacientes. Conheça um pouco mais sobre a instituição médica que aos 162 não para de se modernizar
Agreste Empreendedor Agreste Empreendedor
O Agreste pernambucano é a região que mais cresce em Pernambuco. E, por incrível que pareça, a força motriz que puxou esse desenvolvimento foi o empreendedorismo.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM