Jornal do Commercio
Caso Alexandre

Jornalista Alexandre respira sem ajuda de aparelhos

De acordo com o boletim médico o paciente mantém quadro respiratório estável, sem ajuda de aparelhos

Publicado em 09/10/2017, às 20h13

Alexandre Farias foi atingido na cabeça por uma bala perdida, no dia 16 de setembro, durante uma troca de tiros no Alto do Moura / Foto: Reprodução
Alexandre Farias foi atingido na cabeça por uma bala perdida, no dia 16 de setembro, durante uma troca de tiros no Alto do Moura
Foto: Reprodução
JC Online

De acordo com o boletim médico do Hospital Esperança, o Jornalista Carlos Alexandre de Farias da Silveira, de 39 anos, atingido por uma bala na cabeça no último dia 16 de setembro, não apresentou problemas durante o final de semana e matem quadro respiratório estável, sem ajuda de aparelhos. 

Apesar disso, não há previsão de alta da UTI para o paciente por necessitar de monitoramento intenso dos sinais vitais e do quadro respiratório. 



Relembre o caso

Alexandre Farias foi atingido na cabeça por uma bala perdida, no dia 16 de setembro, durante uma troca de tiros no Alto do Moura entre policiais e suspeitos de cometer crimes na região.  Ele foi socorrido no Hospital Regional do Agreste e depois transferido, em estado grave, para o Hospital da Unimed de Caruaru. 

Por volta das 20h, o jornalista voltava no seu carro para casa, no Loteamento Sete Luas, também no Alto do Moura, quando se viu no meio do fogo cruzado.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO
Pitú, Vitarela (macarrão) e Honda (motos) foram as três marcas mais lembradas pelo público pernambucano, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Harrop em parceria com o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC)
JC no Mundial JC no Mundial
Em meio a um cenário conturbado na política internacional, a Rússia espera ser o grande centro das atenções neste mês de junho, quando irá sediar pela primeira vez em sua história uma Copa do Mundo de futebol. Aqui você confire tudo sobre o Mundial.
Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM