Jornal do Commercio
RECIFE

Usando bilhete, homem alerta estudante sobre assalto a ônibus

Caso aconteceu no ônibus da linha 624-Brejo, na manhã desta quinta-feira. Estudante estava a caminho do estágio, no Centro do Recife

Publicado em 14/12/2017, às 22h36

Estudante postou a situação em uma rede social a fim de agradecer ao rapaz que tentou ajudá-la / Foto: Reprodução/Facebook
Estudante postou a situação em uma rede social a fim de agradecer ao rapaz que tentou ajudá-la
Foto: Reprodução/Facebook
JC Online

Em meio aos alarmantes números de assaltos a ônibus registrados desde o início do ano em Pernambuco (1.327 - de janeiro a novembro, de acordo com a Secretaria de Defesa Social), uma atitude inusitada - e muito bem vinda - aconteceu com uma estudante na manhã desta quinta-feira (14). Beatriz Soares, de 23 anos, foi surpreendida por um homem desconhecido com um bilhete, quando estava em um ônibus da linha 624-Brejo, a caminho do estágio, que fica no bairro da Boa Vista, no Centro do Recife. No recado, estava escrito: "Esse cara vai roubar você". 

Tudo começou quando a estudante de Serviço Social subiu no ônibus, por volta das 10h, e escolheu uma cadeira no final do veículo para se sentar. No local, estavam dois homens e uma mulher. "Sentei na cadeira na frente da mulher. Atrás também tinha um homem com uma roupa azul e um rapaz que tinha um comportamento um pouco suspeito. Ele estava muito agitado, parecia estar sob efeito de drogas e olhava fixamente para mim", relata a jovem.

Ela narra que, em determinado ponto da viagem, o homem de roupa azul se encaminhou para a porta do ônibus, indicando que iria descer. "Mas ele parou na porta e ficou olhando para mim. Depois perguntou: 'Você tem uma caneta para me emprestar?'; eu disse: 'Tenho'. Ele pegou o pedaço de papel, escreveu o bilhete e me deu", lembra Beatriz.



A estudante diz que relutou em ver o que havia escrito no bilhete, achando que se tratava de mais um dos casos de assédio. "No início eu achei que fosse uma atitude de assédio e ignorei o papel. Depois resolvi olhar e vi a mensagem. Fiquei surpresa. Dei o papel para a mulher que estava atrás de mim e a chamei para irmos para a parte da frente do ônibus", relembra a estudante. A jovem diz que não foi assaltada, já que ficou sentada na frente. "Quando eu desci na minha parada, ele já não estava mais no ônibus".

Postagem no Facebook

Pouco depois do ocorrido, Beatriz (que já foi assaltada quatro vezes - três durante viagens em ônibus) postou em uma rede social a situação inusitada que ocorreu naquela manhã. Ela conta que o objetivo era fazer um agradecimento ao homem que, de alguma forma, tentou ajudá-la para que ela não fosse vítima mais uma vez.

"Quando vi aquela mensagem me senti triste e aliviada ao mesmo tempo. Eu estou numa posição de vulnerabilidade, sendo mulher, morando no Recife, onde não temos segurança. Mas acho que ainda dá para ter alguma esperança na humanidade", considera. 


Palavras-chave

Recomendados para você


Comentários

Por JACIARA Paula,16/12/2017

Pagamos impostos caro e não temo o minímo de segurança, saúde e educação, o Brasil está destruído pois quem governar fingir que nada está acontecendo acorda Brasil.

Por ZE PACHECO,15/12/2017

OLHA EDNA NUNES , VOCÊ TEM RAZÃO , MAS O GRANDE PROBLEMA É QUE SEMPRE TODOS DIZEM QUE ISSO ACONTECE NO BRASIL TODO, O QUE É VERDADE , MAS PARA NÓS PERNAMBUCANOS O QUE DE FATO INTERESSA É NA "NOSSA" TERRA , QUE POR MÁ GESTÃO ESTAMOS VIVENDO UMA DAS PIORES FASES COM RELAÇÃO A INSEGURANÇA.QUANTO AS LEIS , NÃO ADIANTA , PORQUE EM QUEM NÓS VOTAMOS NÃO FAZ NADA PELO POVO E SIM POR ELES MESMOS. SÓ VAI ACONTECER UMA MELHORA NO BRASIL SE FOR PROIBIDO DE FILHOS DOS POLÍTICOS TAMBEM DE SEREM POLÍTICOS.PORQUE SÓ ASSIM O MAL QUE NOS PADECE , UM DIA IRÁ PARAR , CASO CONTRÁRIO , TEREMOS QUE NOS CONTENTAR COM A HEREDITARIEDADE DAS FALCATRUAS!!!

Por hugo,15/12/2017

Quando Paulo Câmara estiver atrás de alguém vou dar esse bilhete pra pessoa

Por Edna Nunes,15/12/2017

Beatriz, este homem foi um anjo na sua vida! A insegurança....sempre essa palavra a rondar a vida dos Brasileiros diariamente... na minha opinião, este País poderia continuar desorganizado como é, com suas ruas sujas, calçadas desniveladas e cheia de buracos, etc, mas.... que tivéssemos SEGURANÇA! Que pudéssemos andar a pé, de ônibus, bicicleta ou carro, usando celular, com bolsa, relógio, etc e não tivéssemos que estar preocupados o tempo todo à espera do "dono vir tomar"!!! Sabem o que é isso???? IMPUNIDADE! Hoje o bandido tem mais direito do que nós "pobres mortais"! O exemplo vem dos nossos políticos que roubam o dinheiro público e ficam impunes! A sociedade já está cheia disto! tem que haver mais rigor com quem é bandido em todas as esferas! Queremos o direito de ir e vir sem ter medo!!

Por MÃO DE PILÃO,15/12/2017

Ainda existe gente do bem. Além disso, foi muito inteligente o método desse homem.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Recife em Transformação Recife em Transformação
A cidade e o desafio de traçar o seu futuro
Zika em mil dias Zika em mil dias
Já se passaram quase 2 anos e meio desde que o JC anunciou a explosão de casos de recém-nascidos com microcefalia. Muitas dessas crianças já completaram os seus primeiros mil dias de vida. Famílias e especialistas revelam o que aconteceu nesse período
Logística e inovação Logística e inovação
Você sabe o que é logística? Ela parece invisível, mas está presente no nosso dia a dia, encurtando distâncias. Quando compramos uma maçã no supermercado, muitas vezes não nos damos conta do caminho que percorreu até chegar a nossas mãos

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM