Jornal do Commercio
FOLIA 2018

Ainda aguenta farra? Tem Bacalhau do Batata em Olinda. Veja as opções

Nesta Quarta-feira de Cinzas tem folia no Recife, em Olinda e em Paulista

Publicado em 13/02/2018, às 21h00

Bacalhau do Batata sai do Alto da Sé, em Olinda, às 9h desta Quarta-feira de Cinzas / Foto: Bobby Fabisak / JC Imagem
Bacalhau do Batata sai do Alto da Sé, em Olinda, às 9h desta Quarta-feira de Cinzas
Foto: Bobby Fabisak / JC Imagem
da editoria de Cidades

Ainda está sem calo no pé? As batatas da perna não doem? Consegue levantar a sombrinha de frevo e arriscar uma passo da tesoura? Sobraram uns trocados na carteira? Pois trate de arrumar a fantasia que ainda tem condições de usar e se ligue na programação desta Quarta-feira de Cinzas. Com uma boa dose de energia e alegria, dá para transformá-la numa quarta bastante animada.

Em Olinda, na Região Metropolitana, a sugestão é começar o dia tomando um revigorante munguzá. Há 23 anos Zuza Miranda colabora com café da manhã dos foliões, distribuindo a iguaria que leva milho, açúcar, leite de coco e canela. Serão 2 mil litros armazenados em seis caldeirões. Ele garante entregar 5 mil copinhos do alimento. Basta estar na frente da Igreja da Sé a partir das 5h.

O Bloco Zuza Miranda e Thais é uma prévia do tradicional Bacalhau do Batata. Além das orquestras de frevo, passistas e bonecos gigantes, a diversão é acompanhar a Corrida dos Monstros. Ganhará R$ 300 aquele que, depois de tomar uma lapada de cachaça, chegar primeiro na corrida que começa no pé da ladeira da Sé e termina na frente da igreja.

O Bacalhau do Batata está programado para sair às 9h, do mesmo endereço. Uma multidão de heróicos resistentes vai acompanhar orquestra de frevo pelo Sítio Histórico. À noite, no Polo Chico Science, na Vila Olímpica, em Rio Doce, haverá shows de Pácua & Via Sat, Lamento Negro, Ganga Barreto, Mundo Livre e Nação Zumbi.

No Recife, o Cacique do Bacalhau, conhecido também como Manoel Constantino, convida os brincantes a comparecerem ao Mercado da Boa Vista, no Centro. A partir das 10h tem farra por lá, com previsão de terminar somente quando o sol for embora. Serão quatro orquestras de frevo e passistas.

“Há 16 anos a quarta-feira deixa de ser menos ingrata com o Bacalhau da Vara. Os foliões podem, inclusive, beliscar o bacalhau, desde que não sejam hipertensos”, brinca Constantino, que circula pelo mercado com um grande cocar e um estandarte feito de improviso com a iguaria. Outras agremiações participam, a exemplo do Grea, Grêmio Recreativo entre Amigos.



Em Paratibe, Paulista, no Grande Recife, o ponto de encontro hoje é na Avenida Lindolfo Collor, a partir das 10h. O Bloco Bacalhau na Vara de Paratibe terá nove trios elétricos, com artistas locais. Entre as atrações confirmadas estão Marreta é Massa, Banda Pinguim, João do Morro, Chicareta, Ynove, Mil Milhas, Trio da Terra com Carlinhos Kaetés, Ana Alves e Ed Carlos. Depois de tanta farra, é se acalmar e esperar o Carnaval do próximo ano, que só começa no dia 2 de março.

 PROGRAME-SE

Recife

- A partir das 10h, no Mercado da Boa Vista – Bacalhau na Vara, com quatro orquestras de frevo e participação especial dos cantores Marta Santana e Clayton Moreno

Paulista

- A partir das 10h, na Avenida Lindolfo Collor, em Paratibe – Bloco Bacalhau na Vara de Paratibe, que terá nove trios elétricos, com artistas locais

Olinda

- A partir das 5h, em frente à Igreja da Sé – Bloco Munguzá de Zuza Miranda e Thais, com distribuição de 2 mil litros de munguzá, passistas, bonecos gigantes e a tradicional Corrida dos Monstros

- A partir das 9h, do Alto da Sé – Bacalhau do Batata, que este ano completa 56 anos

- A partir das 17h, no Polo Chico Science, na Vila Olímpica, em Rio Doce – Pácua & Via Sat, Lamento Negro, Ganga Barreto, Mundo Livre e Nação Zumbi

 

 

 

 

 

 

 

 


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Recife em Transformação Recife em Transformação
A cidade e o desafio de traçar o seu futuro
Zika em mil dias Zika em mil dias
Já se passaram quase 2 anos e meio desde que o JC anunciou a explosão de casos de recém-nascidos com microcefalia. Muitas dessas crianças já completaram os seus primeiros mil dias de vida. Famílias e especialistas revelam o que aconteceu nesse período
Logística e inovação Logística e inovação
Você sabe o que é logística? Ela parece invisível, mas está presente no nosso dia a dia, encurtando distâncias. Quando compramos uma maçã no supermercado, muitas vezes não nos damos conta do caminho que percorreu até chegar a nossas mãos

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM