Jornal do Commercio
Carnaval de Olinda

Desfile de Bonecos Gigantes agita as ladeiras de Olinda

Ladeiras de Olinda foram tomadas pelo desfile de bonecos, que neste ano homenageou o Homem da Meia Noite

Publicado em 13/02/2018, às 10h42

Mais de 100 bonecos desfilam pelas ladeiras do Sítio Histórico de Olinda / Foto: Guga Matos/JC Imagem
Mais de 100 bonecos desfilam pelas ladeiras do Sítio Histórico de Olinda
Foto: Guga Matos/JC Imagem
JC Online

Atualizada às 17h34

Foi ao som de muito frevo e com a presença do Homem da Meia Noite, vestido com sua roupa de gala, que o Encontro de Bonecos de Gigantes desfilou ontem pelas ladeiras do Sítio Histórico de Olinda e arrastou uma multidão de foliões e admiradores. A concentração aconteceu no Largo de Guadalupe e, por volta das 11h, os bonecos saíram, acompanhados de passistas e orquestras de frevo.

Além do mais charmoso, estiveram presentes as calungas da Mulher do Dia, de Chico Science, Maestro Spok e o homenageado do Encontro deste ano, o presidente da agremiação Homem da Meia Noite, Luiz Adolpho Alves e Silva. “Este ano é muito especial, mágico, porque o Homem da Meia Noite original, veio com sua roupa de gala. Esse evento tem todo significado prazeroso para dizer que o Carnaval 2018 foi coroado com êxito”, afirmou Sílvio Botelho, considerado o pai dos Bonecos Gigantes de Olinda.

Sobre a inspiração para criar as calungas, Sílvio declara que vem do povo. “A satisfação está no trabalho contínuo com a cultura genuinamente pernambucana. Meu trabalho sempre vai ser incessantemente feito em cima da cultura, de quem faz cultura.”



Ao passar pelos foliões, as calungas fizeram reverências e foram aplaudidas durante todo o percurso, que contemplou a Rua do Amparo, os Quatro Cantos, a Ribeira e finalizou o trajeto na Prefeitura de Olinda. A manicure Cristiane Santos, 45 anos e seu marido, o auxiliar de enfermagem Severino José, 50, acompanham o evento há 10 anos. “A gente fica contente, é uma festa boa de brincar e é emocionante ver uma coisa linda dessas. Sempre fico curiosa para ver as novidades”, comentou Cristiane.

Veja mais imagens do desfile:


Galeria de imagens

Legenda
Anteriores
Próximas


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva
Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção
Carga horária excessiva, más condições de trabalho, terminais sem estrutura apropriada e os riscos ocupacionais aos quais estão submetidos. O transporte rodoviário está em quarto lugar entre as profissões com mais com comunicações de acidentes de trabalh
#UmaPorUma #UmaPorUma
Existe uma história para contar por trás de cada assassinato de mulher em Pernambuco. Uma por uma, vamos contar todas. Mapear onde as mataram, as motivações do crime, acompanhar a investigação e cobrar a punição dos culpados. Um banco de dados virtual.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM