Jornal do Commercio
Serviço

Feriado contará com operações nas principais rodovias de Pernambuco

As operações acontecerão nas rodovias que dão acesso ao Agreste e ao Litoral

Publicado em 12/04/2017, às 10h25

Operação Semana Santa e Operação Lei Seca são as principais no Estado / Foto: Divulgação/Miva Filho/ Secretaria Estadual de Saúde - PE
Operação Semana Santa e Operação Lei Seca são as principais no Estado
Foto: Divulgação/Miva Filho/ Secretaria Estadual de Saúde - PE
JC Online

Com a chegada do feriado de Semana Santa, as rodovias federais e estaduais ganham uma intensa movimentação de quem vai aproveitá-lo distante do Grande Recife. Para diminuir o número de transtornos e acidentes nessas vias, duas operações acontecem a partir desta quinta-feira (13). A Polícia Rodoviária Federal (PRF) vai realizar a Operação Semana Santa, a partir das 00h, nas BRs 232 e 104, que dão acesso ao Agreste de Pernambuco, e nas BRs 101 Sul e Norte, que levam às praias do Estado. A Operação Lei Seca (OLS) contará com blitze nos municípios de maior movimentação. As duas operações vão acontecer até o domingo (16).

 

A Operação Semana Santa vai operar nas rodovias de maior movimentação durante o feriado. A PRF vai operar nas BRs 232 e 104, onde vão circular as pessoas que vão passar o período religioso em cidades como Caruaru, Gravatá e Fazenda Nova, no Agreste. A operação vai contar com reforço no policiamento, educação no trânsito e restrição de tráfego. A Operação da PRF também vai reforçar a fiscalização de motocicletas, monitorando os principais motivos de ocorrências nesse tipo de veículo. A PRF vai auxiliar também na Operação Lei Seca, em Caruaru.

 

Operação Lei Seca

 

Do início da movimentação do feriado nesta quinta-feira (13), até o domingo (16), a Operação Lei Seca (OLS) intensificará suas atividades. A OLS vai contar com blitze espalhadas nos municípios da Região Metropolitana do Recife (RMR); nas praias do Litoral Norte e Sul; em Caruaru, Gravatá e Garanhuns, no Agreste e em Arcoverde e Afogados da Ingazeira, no Sertão. A operação contará com atividades educativas e fiscalização.



 

Todas as blitze espalhadas pelo Estado contarão com profissionais da Secretaria Estadual de Saúde (SES), do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (Detran-PE), da Polícia Militar de Pernambuco (PMPE) e do Departamento de Estradas de Rodagem (DER/PE).

 

Rota do Atlântico

Além das rodovias federais e estaduais, a movimentação também vai ser intensa na Rota do Atlântico, que liga o Recife ao distrito de Nossa Senhora do ó, em Ipojuca. Quem passar pela via, vai poder contar com o Serviço de Auxílio ao Usuário (SAU), com assistência 24h, com suporte de viaturas de inspeção de tráfego e também com ambulância com resgatistas. São esperados mais de 60 mil veículos que vão em direção às principais praias do Litoral Sul de Pernambuco. No retorno à Capital, haverá papa-filas, que estarão reforçando no pagamento do pedágio, próximo à praça de acesso do retorno da PE-38, em Nossa Senhora do Ó.

Rota dos Coqueiros

Os motoristas que seguirem em direção ao Litoral Sul de Pernambuco pela Rota dos Coqueiros, no domingo de Páscoa (16), a partir das 10h, poderá contar, na praça de pedágio que fica em Barra de Jangada, em Jaboatão dos Guararapes, com papa-filas que irão auxiliar na agilidade de atendimento. À tarde, das 14h às 18h, o apoio acontece na praça de Itapuama.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Educação, emprego e futuro Educação, emprego e futuro
Investir em educação é um pressuposto para o crescimento econômico, a geração de empregos e o aumento da renda. Aos poucos, empresas dos mais variados setores entram numa engrenagem antes formada apenas pelo poder público.
Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM