Jornal do Commercio
Tiradentes

Saída para feriado com trânsito complicado em pontos da RMR

Para PRF e BPRV, movimento está dentro do esperado

Publicado em 20/04/2017, às 19h22

Movimento é intenso em alguns pontos / Foto: Sérgio Bernardo/JC Imagem (Arquivo)
Movimento é intenso em alguns pontos
Foto: Sérgio Bernardo/JC Imagem (Arquivo)
JC Online

Ante a véspera do feriado nacional de Tiradentes, nesta sexta-feira (21), a movimentação nas principais avenidas e rodovias do Grande Recife aumenta. Quem tenta sair da capital pernambucana, seja por grandes vias como a Avenida Abdias de Carvalho, ou pelas BRs 101 e 232, encontra bastante retenção em diversos pontos.

Nas rodovias estaduais, como a PE-60, o movimento é mais tranquilo. De acordo com os órgãos que controlam estas rodovias - Polícia Rodoviária Federal (PRF) e o Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRV), o movimento está dentro do esperado.

Fiscalização

Desde às 00h desta quinta-feira (20), a Policia Rodoviária Federal intensificou a fiscalização nas rodovias de Pernambuco, pelo feriado prolongado. Nomeada de Operação Tiradentes, a vigilância intensiva deve acabar somente à 00h do domingo (23). Com o objetivo de evitar os acidentes graves que ocorrem nas estradas neste período, a inspeção verificará o uso de cinto de segurança, cadeirinha e patrulha dos principais pontos.



Operação Lei Seca

A partir do início do feriado de Tiradentes, nesta sexta-feira (21), a Operação Lei Seca vai intensificar suas atividades, principalmente, no Interior de Pernambuco, em cidades como Vitória de Santo Antão, Araripina, Caruaru, Garanhuns, Goiana, Serra Talhada, Gravatá e Salgueiro. Segundo a coordenação da OLS em Pernambuco, o intuito da operação é interiorizar as ações da Lei Seca no Estado, já que motoristas desviam suas rotas para escaparem das blitze. Como de costume, a Operação também vai realizar ações nos bairros mais populosos da Região Metropolitana do Recife (RMR).

Rota do Atlântico

Uma das vias mais importantes deste feriado é Rota do Atlântico, que liga o Recife ao distrito de Nossa Senhora do Ó, em Ipojuca, na RMR. A rodovia dá acesso a praias como Porto de Galinhas, Maracaípe e Tamandaré, no Litoral Sul do Estado. Quem passar pela via, vai poder contar com o Serviço de Auxílio ao Usuário (SAU), com assistência 24h, com suporte de viaturas de inspeção de tráfego e também com ambulância com resgatistas. No retorno à Capital, haverá papa-filas, que estarão reforçando no pagamento do pedágio, próximo à praça de acesso do retorno da PE-38, em Nossa Senhora do Ó.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva
Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção
Carga horária excessiva, más condições de trabalho, terminais sem estrutura apropriada e os riscos ocupacionais aos quais estão submetidos. O transporte rodoviário está em quarto lugar entre as profissões com mais com comunicações de acidentes de trabalh
#UmaPorUma #UmaPorUma
Existe uma história para contar por trás de cada assassinato de mulher em Pernambuco. Uma por uma, vamos contar todas. Mapear onde as mataram, as motivações do crime, acompanhar a investigação e cobrar a punição dos culpados. Um banco de dados virtual.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM