Jornal do Commercio
Ghost bike

Manifestação pede justiça para ciclista atropelado em Olinda

Morte de Sebastião Tenório aconteceu há dois meses enquanto homem atravessava avenida na faixa de pedestres

Publicado em 18/05/2017, às 19h57

Filha da vítima afirma que investigações não estão avançando / Foto: Divulgação/Thais Queiroz
Filha da vítima afirma que investigações não estão avançando
Foto: Divulgação/Thais Queiroz
JC Online

Um grupo de manifestantes realizará na noite desta quinta-feira (18), no bairro de Casa Caiada, Olinda, um ato pedindo justiça para o caso da morte do ciclista Sebastião Tenório, atropelado por um carro no último mês de março na Avenida Doutor José Augusto Moreira, em Casa Caiada, enquanto atravessava a rua na faixa de pedestres.

De acordo com Thais Queiroz, filha de Sebastião, o homem, que tinha 53 anos, estava atravessando uma rua, na faixa de pedestres, quando um carro o atropelou. "O sinal tava vermelho. Ele desceu da bike e foi atingido", afirmou. De acordo com Thais, as investigações do caso estão correndo de forma lenta: "A Polícia Civil não localizou nenhuma imagem de câmera de segurança até agora". 



A reportagem do JC procurou a Polícia Civil para comentar o assunto, bem como para saber a situação do inquérito, mas até a publicação desta matéria, não responderam às nossas solicitações.

Ghost bike

Durante o ato, será colocado no local do acidente - Avenida Dr. José Augusto Moreira, em Casa Caiada - uma ghost bike, como são conhecidas as bicicletas brancas instaladas por cicloativistas em locais que tiveram mortes de ciclistas.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

O Hobbit - 80 anos O Hobbit - 80 anos
Como a maioria dos hobbits, Bilbo Bolseiro leva uma vida tranquila até o dia em que recebe uma missão do mago Gandalf. Acompanhado por um grupo de anões, ele parte numa jornada até a Montanha Solitária para libertar o Reino de Erebor do dragão Smaug
Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM