Jornal do Commercio
Bolso

Táxis e ônibus de Jaboatão aumentam de preço

Duas linhas de micro-ônibus passam a ter novo valor. Táxis ficam até 20% mais caros

Publicado em 01/06/2017, às 17h03

Preços agora estão iguais aos praticados no Recife / Foto: Guga Matos/JC Imagem
Preços agora estão iguais aos praticados no Recife
Foto: Guga Matos/JC Imagem
JC Online

Andar de táxi ou de ônibus em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife, está mais caro. A bandeirada, que antes custava R$ 4,25, passou para R$ 5,12, representando um aumento de 20,4%. Em duas linhas de ônibus, a tarifa subiu de R$ 2,75 para R$ 3,20. A decisão, publicada no Diário Oficial do município no último dia 30, faz com que os valores se igualem aos praticados na capital.

É importante avisar que só as linhas 405 - Jaboatão/Piedade e 409 - Curado IV/Barra de Jangada que sofreram reajuste. Nas outras 20 linhas de micro-ônibus e vans, administradas pela prefeitura, o preço continua em R$ 2,50. Aos domingos, o transporte cai para R$ 1,60.



Táxi Turista

O serviço especial de táxi do município, aquele de hotéis, agora tem bandeirada no valor de R$ 6,21, com a quilometragem saindo por R$ 3,02 na bandeira 1; e R$ 3,61 na bandeira 2.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC recall de marcas 2017 JC recall de marcas 2017
Conheça o ranking das marcas que têm conseguido se manter no topo da preferência dos pernambucanos. O rol é resultado de uma pesquisa realizada pelo Instituto Harrop, há duas décadas parceiro do Jornal do Commercio na realização da premiação
10 anos do IJCPM 10 anos do IJCPM
O Instituto João Carlos Paes Mendonça de Compromisso Social (IJCPM) comemora 10 anos de história, contribuindo para transformar a vida de jovens de comunidades com histórico de desigualdade social nas cidades de Recife, Salvador, Fortaleza e Aracaju
Chapecoense: um ano de saudade Chapecoense: um ano de saudade
Um ano de saudade. Foi isso que restou. A maior tragédia do esporte mundial, no dia 29 de novembro de 2016, quando houve o acidente aéreo com a delegação da Chapecoense, em Medellín, na Colômbia, fez 71 vítimas. Entre elas, dois pernambucanos

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM