Jornal do Commercio
Manifestação

Protesto de barraqueiros fecha descida do Viaduto Tancredo Neves, na Zona Sul

Trânsito no local ficou complicado

Publicado em 27/06/2017, às 18h07

Ato complica tráfego no viaduto / Foto: Cortesia
Ato complica tráfego no viaduto
Foto: Cortesia
JC Online

Um grupo de barraqueiros interditou, no final da tarde desta terça-feira (27), a descida do Viaduto Tancredo Neves, antes da Rua Ernesto de Paula Santos, próximo ao Carrefour de Boa Viagem. O trânsito, no local, ficou complicado. De acordo com o Centro Integrado de Operações de Defesa Social (Ciods) da Polícia Militar (PM), os manifestantes protestam por supostamente a Diretoria Executiva de Controle Urbano do Recife (Dircon) ter retirado suas barracas da Praia de Boa Viagem.



Por telefone, a Secretaria de Mobilidade e Controle Urbano (Semoc), afirmou que não realizou nenhuma ação de retirada de barraqueiros. Os manifestantes atearam fogo a entulhos para bloquear a via. A Autarquia de Trânsito de Transporte (CTTU) foi ao local orientar o tráfego e realizar desvios pela Avenida Mascarenhas de Morais.

Pacífico

O protesto, segundo o Ciods, foi tranquilo. A PM acompanhou o ato e o Corpo de Bombeiros já apagou as chamas, liberando o fluxo.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO
Pitú, Vitarela (macarrão) e Honda (motos) foram as três marcas mais lembradas pelo público pernambucano, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Harrop em parceria com o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC)
JC no Mundial JC no Mundial
Em meio a um cenário conturbado na política internacional, a Rússia espera ser o grande centro das atenções neste mês de junho, quando irá sediar pela primeira vez em sua história uma Copa do Mundo de futebol. Aqui você confire tudo sobre o Mundial.
Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM