Jornal do Commercio
Grande Recife

Usuários denunciam péssimas condições da passarela do Aeroporto do Recife

Falta de iluminação, de segurança, esteiras quebradas e até goteiras atrapalham quem depende do equipamento

Publicado em 09/08/2017, às 18h23

De longe a estrutura impressiona, mas de perto, a realidade é outra / Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
De longe a estrutura impressiona, mas de perto, a realidade é outra
Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
JC Online

De longe, uma mega estrutura que encanta quem chega ao Recife ou passa pela Avenida Mascarenhas de Moraes, no bairro da Imbiribeira, Zona Sul. Mas de perto a realidade é de medo e o retrato da falta de manutenção prejudica quem precisa passar pelo local. Luzes apagadas, goteiras, esteiras sem funcionar. Assim é a passarela que liga o Aeroporto Internacional dos Guararapes à Linha Sul do metrô.

É constante a reclamação dos usuários pelos mais diversos motivos. Seja pela falta de iluminação - que, paralelamente traz a insegurança - ou pela ausência de manutenção que prejudica faça sol, ou faça chuva. Alexia Marques, 22 anos, agente de vendas, precisa passar todos os dias pela passarela e conhece bem essa realidade. "São poucas luzes acesas e fica muito esquisito. Nos dias de chuva fica tudo molhado devido as goteiras. É um perigo, pois o chão é todo de porcelanato. Com tudo isso, ainda pagamos R$ 3,20 e não R$ 1,60, como acontece com quem entra pela estação do metrô", conta.

Veja o vídeo registrado por uma usuária:

Quem também se deparou com uma situação parecida foi a auxiliar administrativa, Maria da Conceição, 34 anos. "Fui deixar meu namorado no aeroporto e estava tudo escuro. Já era umas 19h20, já deveria estar tudo aceso. Até conversei com a moça da catraca e ela disse que já fazia um tempo que estava daquele jeito. Vivemos em uma situação de segurança zero. Acontece as coisas ali e ninguém vê", desabafa.



De acordo com o Grande Recife, a reposição das lâmpadas foram iniciadas nesta quarta-feira e a previsão é de que todos os serviços sejam realizados até o final da próxima semana.

Leia abaixo a íntegra da nota:

O Grande Recife informa que iniciou nesta quarta-feira (9) a reposição de lâmpadas na passarela que liga o terminal integrado ao Aeroporto. O Consórcio esclarece ainda que já iniciou o levantamento do material necessário para manutenção das esteiras e reparos nas áreas com goteiras. A previsão é de que até o final da próxima semana todos os serviços sejam concluídos.

Sobre o valor pago para entrar na passarela, o Grande Recife explica que o valor pago é referente ao anel A (R$ 3,20), uma vez que o usuário acessa diretamente o TI Aeroporto e não a estação do metrô.


Recomendados para você


Comentários

Por ALEXSANDRO GOMES DIAS,10/08/2017

pior falta respeito e quer agora varios carros ficam estacionado em baixo dessa passarela fazendo ponto uber com isso vc vai leva seu filho pra escola ver homem urinado ar livre sem falar vc tem passar de lado porque cttu não faz nada local e area calçada não de estacionamento cade agentes cttu



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Vidas Compartilhadas Vidas Compartilhadas
O JC apresenta o mundo da doação e dos transplantes de órgãos pelas vozes de pessoas que ensinam, mesmo diante das adversidades, a recomeçar a vida quantas vezes for preciso.
JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO
Pitú, Vitarela (macarrão) e Honda (motos) foram as três marcas mais lembradas pelo público pernambucano, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Harrop em parceria com o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC)
JC no Mundial JC no Mundial
Em meio a um cenário conturbado na política internacional, a Rússia espera ser o grande centro das atenções neste mês de junho, quando irá sediar pela primeira vez em sua história uma Copa do Mundo de futebol. Aqui você confire tudo sobre o Mundial.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM