Jornal do Commercio
Cidades Cidades

violência

Menina é encontrada morta em engenho de Xexéu

Lucivânia da Silva Nonato tinha 8 anos e estava desaparecida desde a tarde do domingo

Publicado em 31/03/2014, às 23h51

Do JC Online

A menina Lucivânia da Silva Nonato, de 8 anos, foi encontrada morta no Engenho Caiçara, no município de Xexéu, na Mata Sul do Estado, na tarde desta segunda-feira. Segundo a polícia, a criança estava desaparecida desde esse domingo. Ainda não se sabe quem praticou o crime.

O Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) está responsável pelo caso. Nesta manhã, o pai da menina foi à Delegacia do município e registrou um Boletim de Ocorrência pelo desaparecimento. A última vez que a vítima foi vista teria sido na tarde do domingo, brincando no engenho, próximo de casa. O corpo de Lucivânia será levado para o Instituto de Medicina Legal (IML) do Recife.

Palavras-chave


Comentários

Por claudenice,02/04/2014

meu deus que tragedia,como alguém tem a capacidade de fazer uma coisa dessa com uma criança inocente,criança e pra da amor carinho atenção!que deus proteja a família dessa menina que agora esta no céu...

Comentar


nome e-mail
comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

Fotos do dia

Ativistas lutam para salvar animais abandonados no Recife e região metropolitana.
Foto: Diego Nigro/JC Imagem

> JC Imagem

Ativistas lutam para salvar animais abandonados no Recife e região metropolitana.Ativistas lutam para salvar animais abandonados no Recife e região metropolitana.Ativistas lutam para salvar animais abandonados no Recife e região metropolitana.Ativistas lutam para salvar animais abandonados no Recife e região metropolitana.Ativistas lutam para salvar animais abandonados no Recife e região metropolitana.

Ranking do dia

OFERTAS

Especiais JC

Documento Suape: Da euforia à frustração Documento Suape: Da euforia à frustração
Após Petrolão e crise, especial multimídia mostra drama das pessoas e cidades que cresceram no rastro de Suape.
Só sei que foi assim - 60 anos do Auto da Compadecida Só sei que foi assim - 60 anos do Auto da Compadecida
Especial celebra 60 anos do Auto da Compadecida, no dia em que Ariano Suassuna completaria 88 anos.
Facebook Twitter RSS Youtube
Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM