Jornal do Commercio
Violência

Interno da Funase do Cabo é resgatado durante transferência para hospital

Quatro homens em um Celta interceptaram o veículo da Funase e levaram o interno de 18 anos

Publicado em 13/02/2017, às 21h14

Adolescente cumpria medida socioeducativa na Funase do Cabo por porte ilegal de arma / Foto: Tiago Calazans/Acervo JC Imagem
Adolescente cumpria medida socioeducativa na Funase do Cabo por porte ilegal de arma
Foto: Tiago Calazans/Acervo JC Imagem
JC Online

Um dos internos do Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) do Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife, foi resgatado por quatro homens armados, na manhã desta segunda-feira (13), quando era levado para um hospital. O caso foi registrado na delegacia do município.

De acordo com um funcionário da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) que não quis se identificar, o jovem de 18 anos passou mal e precisou ser removido para uma unidade de saúde. "O interno estava com a pressão de seis por quatro, espumando pela boca. Foi então que o setor de enfermagem do Case solicitou a transferência dele para um hospital", revelou a fonte.

A assessoria de comunicação do órgão informou que o jovem estava sendo levado para o Hospital Mendo Sampaio, mas que, "ainda próximo à unidade, na Estrada de Pirapama, o carro foi abordado por homens armados, que estavam em veículo Celta, e levaram o adolescente". Estavam no veículo da Funase, além do interno - que cumpre medida socioeducativa por porte ilegal de armas -, dois agentes socioeducativos, um motorista e uma assistente social.

Investigação está a cargo da Polícia Civil

Ainda conforme a Funase, "um Boletim de Ocorrência (BO) foi registrado na Delegacia de Polícia do município e, após esse procedimento, o juiz da Vara Regional da Infância e Juventude competente foi comunicado do fato para que as providências legais sejam tomadas pela polícia".

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM