Jornal do Commercio
Morte

Jovem morre no Grande Recife e família suspeita de envenenamento

Segundo informações da mãe da vítima, ele teria sido envenenado depois de um lanche feito na casa da ex-mulher

Publicado em 18/06/2017, às 17h25

Caso está sendo investigado pela delegada Gleide Ângelo / Foto: Igo Bione/JC Imagem
Caso está sendo investigado pela delegada Gleide Ângelo
Foto: Igo Bione/JC Imagem
JC Online

Diego Ferreira da Silva, de 25 anos, faleceu com suspeita de envenenamento neste final de semana. O jovem estava internado há nove dias em um hospital da rede privada em Jaboatão dos Guararapes, Região Metropolitana do Recife. Segundo a mãe do rapaz, ele passou mal após buscar a filha de um ano e cinco meses na residência da ex-companheira, no bairro de Passarinho, Zona Norte do Recife.

Detalhes

No local, ele teria passado mal depois de um lanche. O jovem chegou a dar entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Nova Descoberta, onde a foi informada que ele teria sido envenenado por chumbinho. Ainda de acordo com a mãe, a vítima vivia em briga com a ex-mulher, e já havia uma medida protetiva para que ele não se aproximasse dela.



A mãe de Diego conta, ainda, que a sua ex-companheira já o teria ameaçado de morte na frente da avó dele, mas ao ser questionada, ela negou qualquer envolvimento no possível envenenamento dele. O caso está sob investigação da delegada Gleide Ângelo.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva
Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção
Carga horária excessiva, más condições de trabalho, terminais sem estrutura apropriada e os riscos ocupacionais aos quais estão submetidos. O transporte rodoviário está em quarto lugar entre as profissões com mais com comunicações de acidentes de trabalh
#UmaPorUma #UmaPorUma
Existe uma história para contar por trás de cada assassinato de mulher em Pernambuco. Uma por uma, vamos contar todas. Mapear onde as mataram, as motivações do crime, acompanhar a investigação e cobrar a punição dos culpados. Um banco de dados virtual.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM