Jornal do Commercio
Agreste

Funcionários de Agrestina são assaltados após participação na Fenearte

Servidores da Prefeitura de Agrestina representaram artesãos da cidade na feira e tiveram van interceptada por criminosos quando voltavam pela BR-232

Publicado em 17/07/2017, às 21h01

Parte do material foi encontrado nesta segunda-feira / Foto: Reprodução/TV Jornal
Parte do material foi encontrado nesta segunda-feira
Foto: Reprodução/TV Jornal
JC Online

Uma van que levava funcionários da Prefeitura de Agrestina, no Agreste de Pernambuco, foi assaltada na madrugada desta segunda-feira (17) na BR-232, no município de Bezerros, distante 102 km do Recife. A equipe voltava para casa, após participar da Feira Nacional de Negócios do Artesanato (Fenearte) que aconteceu no Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda, na noite do domingo (17). Produtos artesanais também foram levados pelos assaltantes.

Segundo uma testemunha, os criminosos, que estavam à bordo de uma caminhonete preta, dispararam contra a van e obrigaram o condutor a seguir com o veículo até uma estrada de terra. Ao chegar no local, as cerca de sete pessoas que voltavam da Região Metropolitana foram obrigadas a descer e entregar os pertences. Entre os objetos levados, estavam celulares, relógios e alianças. Peças artesanais que estavam sendo expostas na Fenearte e a renda obtida na feira também foram levados.



Apesar do susto e do fato de que os criminosos estavam armados com revólver e espingarda, nenhuma vítima ficou ferida. Um dos assaltantes teria chegado a tranquilizar uma senhora que passou mal, durante a abordagem. Os criminosos fugiram levando os pertences das vítimas.

Objetos recuperados

Horas após o crime, um funcionário da prefeitura voltou ao local do crime na expectativa de recuperar alguns pertences. Na manhã desta segunda-feira, o homem encontrou documentos, cartões e algumas peças de roupa. Não foi divulgado o valor do prejuízo causado pelo assalto. O crime deve ser investigado pela Delegacia de Agrestina.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores
#ACulpaNãoÉDelas #ACulpaNãoÉDelas
Histórias de mulheres que passaram anos sendo agredidas por seus parceiros e, com medo, permaneceram em silêncio. Essa série de reportagem discute novos olhares no enfrentamento às agressões contra a mulher, até porque a culpa não é delas

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM