Jornal do Commercio
HOMICÍDIO

Homem é morto com mais de dez tiros em Petrolina

Vítima estava em um espetinho com a esposa e um amigo quando foi alvejada

Publicado em 28/07/2017, às 03h48

Homem foi morto com mais de dez tiros na Rua Conde D'Eu, perto do Terminal Rodoviário de Petrolina / Foto: Reprodução / Google
Homem foi morto com mais de dez tiros na Rua Conde D'Eu, perto do Terminal Rodoviário de Petrolina
Foto: Reprodução / Google
JC Online

Um homicídio aconteceu por volta das 22h desta quinta-feira (27) em Petrolina, Sertão pernambucano. O crime foi na Rua Conde D’Eu, bairro de Gercino Coelho, nas proximidades do Terminal Rodoviário da cidade. De acordo com informações do 5º Batalhão de Polícia Militar, Francisco Santos da Silva, 26 anos, era ex-presidiário e estava com a esposa e um amigo em um espetinho quando dois homens chegaram numa moto atirando. Ele foi alvejado com mais de dez disparos. Ainda não há pistas dos autores do assassinato.



Outra morte

Ainda de acordo com o 5º BPM, outro homem foi alvejado e morto em Petrolina, mais cedo, às 20h, na Rua 25, bairro Cosme e Damião. Wellington Santos Lucas Silva também era ex-presidiário e foi assassinado enquanto esperava para cortar o cabelo em um salão de beleza. Ele levou um tiro na boca e outro no pescoço. Também não há pistas de quem possa ter cometido o homicídio e quais as motivações por trás dele.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Educação, emprego e futuro Educação, emprego e futuro
Investir em educação é um pressuposto para o crescimento econômico, a geração de empregos e o aumento da renda. Aos poucos, empresas dos mais variados setores entram numa engrenagem antes formada apenas pelo poder público.
Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM