Jornal do Commercio
Segurança

PE ganhará novos batalhões da PM e delegacias contra narcotráfico

Projetos de lei foram assinados nesta sexta (17) pelo governador Paulo Câmara. Batalhões e delegacias devem iniciar o funcionamento no início de 2018

Publicado em 17/11/2017, às 13h37

Assinatura aconteceu no Salão das Bandeiras do Palácio do Campo das Princesas / Maria Luísa Ferro/JC
Assinatura aconteceu no Salão das Bandeiras do Palácio do Campo das Princesas
Maria Luísa Ferro/JC
Da Editoria de Cidades

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, assinou nesta sexta-feira (17) três projetos de lei que visam a criação de novos batalhões de polícia militar, delegacias especializadas em repressão ao narcotráfico e unidades de polícia científica. A iniciativa, que ainda precisa ser aprovada pela Assembléia Legislativa de Pernambuco, prevê a criação do 26º Batalhão de Polícia Militar, com sede em Itapissuma, na Região Metropolitana do Recife, o 2º Batalhão Integrado Especializado de Policiamento, com sede em Petrolina, no Sertão e da 11ª Companhia Independente da Polícia Militar, sediada em Lajedo, no Agreste.

De acordo com o secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua, o efetivo policial que será utilizado nessas unidades policiais é proveniente dos agentes que estão em formação. "Nós temos cerca de 1.300 policiais militares que estão realizando o curso e devem finalizá-lo até o primeiro trimestre de 2018, e outros 1.000 policiais civis que também devem ser formados até fevereiro do próximo ano. Assim, após a formação, uma parte deles será encaminhada para formar os novos batalhões", explicou.

Já as Delegacias de Repressão ao Narcotráfico serão criadas nas cidades do Cabo de Santo Agostinho, Goiana, Vitória de Santo Antão, Caruaru, Garanhuns, Arcoverde, Serra Talhada, Ouricuri e Petrolina. Ainda segundo a Secretaria de Defesa Social, as unidades de Polícia Científica vão abranger os municípios de Nazaré da Mata, Palmares, Afogados da Ingazeira, Arcoverde, Caruaru, Salgueiro, Ouricuri e Petrolina.



Em seu discurso, Paulo Câmara reforçou que está trabalhando para mudar os índices de violência no estado. "Vamos finalizar o ano com melhorias na segurança. Ainda temos muito o que fazer, mas com essas ações, vamos chegar até onde desejamos, para que tenhamos um 2018 de paz em Pernambuco", afirmou.

Votação

A previsão é que o projeto seja votado pelos deputados estaduais até o dia 20 de dezembro, e caso aprovado, os batalhões entrem em funcionamento no início do próximo ano.


Recomendados para você


Comentários

Por EDWIN,18/11/2017

Este Paulo Câmara,é uma piada.criou o Bope em Pernambuco e não resolveu em nada a violência em nosso estado.ainda bem que está chegando eleições em 2018.para esta desgraça, fantoche cair fora.

Por gustavo,18/11/2017

So vai aumentar a violencia! Narcotrafico abastece campanhas eleitorais!! pra acabar com o trafico a solucao eh LEGALIZAR AS DROGAS!!



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Julgamento de Lula Julgamento de Lula
O Tribunal Regional Federal da 4ª Região confirmou, no histórico 24 de janeiro de 2018, a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e ampliou a pena para 12 anos e 1 mês de reclusão
Copa do Nordeste 2018 Copa do Nordeste 2018
A 15ª edição da Copa do Nordeste tem um sabor especial. 2018 marca a volta das transmissões de futebol da TV Jornal. Ao lado da co-irmã de Caruaru e de nove afiliadas do SBT Nordeste, a emissora vai levar ao público todas as emoções do torneio
Conheça o Cambinda Brasileira, maracatu rural mais antigo em atividade Conheça o Cambinda Brasileira, maracatu rural mais antigo em atividade
Conheça o Cambinda Brasileira, maracatu rural mais antigo em atividade

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM