Jornal do Commercio
Violência

Pai é preso suspeito de espancar filho de 2 anos em Caruaru

De acordo com a polícia de Caruaru, criança estava com marcas de agressão nas coxas, costas, boca e braços

Publicado em 11/01/2018, às 08h35

Caso foi registrado na Delegacia de Caruaru / Foto: Reprodução/Google Street View
Caso foi registrado na Delegacia de Caruaru
Foto: Reprodução/Google Street View
JC Online
Com informações da Rádio Jornal

Um homem de 19 anos foi preso nessa quarta-feira (10) no bairro Centenário, em Caruaru, Agreste do estado, suspeito de ter agredido o próprio filho de dois anos de idade. 

Marcos André Lopes da Silva foi preso após uma denúncia da mãe da criança. De acordo com a polícia, o casal está separado e a mulher deixou o filho com o pai para as festividades de fim de ano. No entanto, o homem não quis devolver mais o menino.



A mãe percebeu alguns hematomas na região das coxas, das costas, da boca e dos braços da criança e acionou o policiamento. De acordo com a polícia, a mãe relatou que o homem teria agredido o filho com uma sandália após o menino ter vomitado em cima dele.

O suspeitou negou para a polícia ter cometido as agressões e será apresentado nesta quinta-feira (11) em audiência de custódia. A criança foi devolvida para a mãe. O conselho tutelar da cidade vai acompanhar o caso. 


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Recife em Transformação Recife em Transformação
A cidade e o desafio de traçar o seu futuro
Zika em mil dias Zika em mil dias
Já se passaram quase 2 anos e meio desde que o JC anunciou a explosão de casos de recém-nascidos com microcefalia. Muitas dessas crianças já completaram os seus primeiros mil dias de vida. Famílias e especialistas revelam o que aconteceu nesse período
Logística e inovação Logística e inovação
Você sabe o que é logística? Ela parece invisível, mas está presente no nosso dia a dia, encurtando distâncias. Quando compramos uma maçã no supermercado, muitas vezes não nos damos conta do caminho que percorreu até chegar a nossas mãos

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM