Jornal do Commercio
SUSTO

Quase 100 materiais explosivos são encontrados em prédio de Caruaru

Os explosivos foram localizados na garagem de um edifício, que fica localizado em uma área nobre da cidade

Publicado em 12/01/2018, às 22h20

Explosivos estavam dentro de caixas de papelão / Foto: PMPE
Explosivos estavam dentro de caixas de papelão
Foto: PMPE
JC Online

Quase 100 materiais explosivos foram encontrados em um prédio em uma região nobre de Caruaru, Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar, a carga foi localizada na garagem de um edifício, que fica no bairro Maurício de Nassau.

De acordo com a PM, os explosivos foram descobertos após denúncia anônima. No local, os agentes do Batalhão Integrado Especializado de Policiamento (Biesp), que foram acionados para a ação, constataram que as 99 unidades do material estavam dentro de caixas de papelão. A área foi isolada e as bombas passaram por avaliação de especialistas, que verificaram que não havia risco de explosão.



Edifício residencial

O edifício onde os explosivos foram encontrados é residencial, mas no momento da abordagem ninguém estava na garagem. Os moradores do prédio também não informaram de quem poderia ser as caixas.

O Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar (Bope) foi responsável pelo recolhimento do material. A Delegacia de Caruaru vai ficar responsável pelas investigações.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Recife em Transformação Recife em Transformação
A cidade e o desafio de traçar o seu futuro
Zika em mil dias Zika em mil dias
Já se passaram quase 2 anos e meio desde que o JC anunciou a explosão de casos de recém-nascidos com microcefalia. Muitas dessas crianças já completaram os seus primeiros mil dias de vida. Famílias e especialistas revelam o que aconteceu nesse período
Logística e inovação Logística e inovação
Você sabe o que é logística? Ela parece invisível, mas está presente no nosso dia a dia, encurtando distâncias. Quando compramos uma maçã no supermercado, muitas vezes não nos damos conta do caminho que percorreu até chegar a nossas mãos

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM