Jornal do Commercio
Assassinato

Ex-presidiário é morto a tiros no Jordão

Segundo o delegado João Brito, responsável pelo caso, a motivação do crime tem relação com o tráfico de drogas

Publicado em 29/01/2018, às 01h23

Na ocasião estava havendo uma festa popular na praça e a vítima foi morta em via pública / Foto: Edson Araújo/TV Jornal
Na ocasião estava havendo uma festa popular na praça e a vítima foi morta em via pública
Foto: Edson Araújo/TV Jornal
JC Online

Um ex-presidiário foi morto a tiros na noite deste domingo (28) no Jordão Alto, Zona Sul do Recife.

De acordo com a Polícia Civil, Gilson Carlos de Souza, de 30 anos, estava na praça do Jordão Alto quando foi assassinado por disparos de arma de fogo. Na ocasião, estava havendo uma festa popular na praça e a vítima foi morta em via pública.

Segundo o delegado João Brito, responsável pelo caso, a motivação do crime tem relação com o tráfico de drogas. A autoria do crime é desconhecida e está sendo investigada pela polícia. 



O Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) esteve no local juntamente com a Força Tarefa. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para recolher o corpo da vítima. 


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

As Paixões de José Pimentel, o eterno Jesus As Paixões de José Pimentel, o eterno Jesus
O JC preparou um hotsite especial em homenagem ao ator e diretor Jose Pimentel, o eterno Jesus Cristo do teatro pernambucano
Nordeste Renovável Nordeste Renovável
Com a força dos ventos e a incidência solar, o Nordeste desponta como oásis. Não só para o turismo, nem apenas no Litoral. Na geração de energia sustentável está a nova fonte de riqueza da Região, principalmente no interior
Vidas Compartilhadas Vidas Compartilhadas
O JC apresenta o mundo da doação e dos transplantes de órgãos pelas vozes de pessoas que ensinam, mesmo diante das adversidades, a recomeçar a vida quantas vezes for preciso.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM