Jornal do Commercio
APREENSÃO

Mais de 30kg de lagosta vermelha são apreendidos na Zona Sul do Recife

A pesca, a venda e o transporte de lagostas nessa época são proibidos pelo Ibama. O responsável pelo estabelecimento foi multado em mais de R$ 5 mil

Publicado em 17/05/2018, às 14h59

Duas das lagostas apreendidas estavam com ovas / Foto: Divulgação/ CPRH
Duas das lagostas apreendidas estavam com ovas
Foto: Divulgação/ CPRH
JC Online

Mais de 30 quilos de lagosta vermelha foram apreendidos em Brasília Teimosa, na Zona Sul do Recife, na manhã dessa quinta-feira (16). De acordo com a Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH), este é o período de reprodução do animal e por isso sua pesca é proibida.

Os 32 quilos estavam em um boxe. Do dia 1º de dezembro ao dia 31 deste mês, é proibida a pesca, a comercialização e o transporte de lagostas. No local também foram encontradas duas lagostas ovadas congeladas.



Uma multa de R$ 5.660,00 foi aplicada no responsável pelo estabelecimento, que está sujeito a responder um processo por crime ambiental. Ele foi encaminhado pelos agentes da Companhia Independente de Policiamento do Meio Ambiente (Cipoma) para prestar esclarecimentos na Polícia Federal, no Bairro do Recife.

A apreensão será doada para instituições carentes.

Multa

O período de defeso, como é conhecido, é assegurado conforme Instrução Normativa do Ibama. Em casos de descumprimento, a multa pode variar entre R$ 700 a R$ 100 mil.

 


Galeria de imagens

Legenda
Anteriores
Próximas


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva
Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção
Carga horária excessiva, más condições de trabalho, terminais sem estrutura apropriada e os riscos ocupacionais aos quais estão submetidos. O transporte rodoviário está em quarto lugar entre as profissões com mais com comunicações de acidentes de trabalh
#UmaPorUma #UmaPorUma
Existe uma história para contar por trás de cada assassinato de mulher em Pernambuco. Uma por uma, vamos contar todas. Mapear onde as mataram, as motivações do crime, acompanhar a investigação e cobrar a punição dos culpados. Um banco de dados virtual.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM