Jornal do Commercio
Aids

Mortes relacionadas à Aids caíram pela metade desde 2005, diz ONU

Em 2016, um milhão de pessoas morreram em decorrência do vírus da AIDS, enquanto em 2005 foram 1,9 milhão

Publicado em 20/07/2017, às 08h56

No Brasil, farmácias passaram a vender autotestes para detectar vírus do HIV / Foto: EBC
No Brasil, farmácias passaram a vender autotestes para detectar vírus do HIV
Foto: EBC
AFP

O vírus da Aids levou à morte de um milhão de pessoas em 2016, quase metade do 1,9 milhão registrado em 2005 - anunciou a ONU em um informe anual divulgado nesta quinta-feira (20), destacando uma "virada decisiva".

Mais da metade das pessoas infectadas no mundo recebe tratamento, e o número de novas infecções pelo vírus HIV está em queda, ainda que a um ritmo muito lento para conseguir conter a epidemia, de acordo com dados divulgados antes da inauguração no próximo domingo (23), em Paris, de uma conferência internacional sobre a aids.

"O número de mortes relacionadas à aids passou de 1,9 milhão em 2005 para um milhão em 2016", apontou o UNAIDS, o programa de coordenação da ONU contra a aids, em seu relatório anual sobre a situação da epidemia.



Tratamento

Esse avanço se explica, em grande parte, por uma melhor difusão do tratamento antirretroviral.

"Em 2016, 19,5 milhões de pessoas, do total de 36,7 milhões que vivem com HIV, tinham acesso a tratamento", ou seja, mais de 53%, segundo dados divulgados pelo programa.

"Nossos esforços deram resultado", comemorou o diretor-executivo do UNAISD, Michel Sidibé, citado no informe.

"Mas nossa luta para pôr fim à aids está apenas começando. Vivemos tempos difíceis, e os avanços conquistados podem se apagar facilmente", advertiu.

Ao todo, 1,8 milhão de pessoas foram infectadas no ano passado, o que equivale a uma contaminação a cada 17 segundos, em média.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO
Pitú, Vitarela (macarrão) e Honda (motos) foram as três marcas mais lembradas pelo público pernambucano, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Harrop em parceria com o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC)
JC no Mundial JC no Mundial
Em meio a um cenário conturbado na política internacional, a Rússia espera ser o grande centro das atenções neste mês de junho, quando irá sediar pela primeira vez em sua história uma Copa do Mundo de futebol. Aqui você confire tudo sobre o Mundial.
Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM