Jornal do Commercio
Palco

Eduardo Sterblitch revisita trajetória em Use-me

Peça ganha sessão neste sábado (11), no Teatro RioMar

Publicado em 10/06/2016, às 20h31

Sterblitch revisita carreira em novo espetáculo / Allison Valentim/Divulgação
Sterblitch revisita carreira em novo espetáculo
Allison Valentim/Divulgação
JC Online

Os últimos dez anos foram uma montanha-russa emocional para Eduardo Sterblitch. O carioca viu sua carreira decolar com a popularidade de personagens como Freddy Mercury Prateado, Poderoso Castiga e César Polvilho, todos do Pânico na TV. Ao mesmo tempo, ele, que tem os palcos como sua segunda casa, expressou muitas vezes que vivia uma agrura com o público e com o próprio fazer artístico, chegando a dizer que deixaria os palcos por definitivo. Essas rusgas e crises de identidade levaram à criação de seu espetáculo mais recente, Use-me, que ele apresenta neste sábado (11), às 21h, no Teatro RioMar.

Introduzido ao grande público pelo Pânico, Sterblitch participou do “momento de ouro” do programa, quando os quadros e os personagens tinham repercussão nacional. Com o tempo e a insistência na piada fácil, a atração viu sua importância encolher. Eduardo, no entanto, conseguiu passar incólume a esse declínio. Mas, a relação ator-público encontrou barreiras em Minhas Sinceras Desculpas (2011), monólogo que se afastava do padrão stand-up comedy ao qual a plateia estava acostumada a ver de contemporâneos do carioca.

O artista, que tem formação no teatro, revelava suas inseguranças, desejo de ser reconhecido como intérprete e como o humor podia ser uma prisão para alguém que, na sua arte, não queria se limitar.

Use-me vem para (re)construir essa ponte. Quebrando a quarta parede, ele retoma temas do antigo monólogo, passa a limpo sua trajetória, expondo seus principais personagens, cujos figurinos ficam expostos no palco em manequins. Entre uma história e outra, ele “veste” o personagem, dissecando essa relação intérprete-criatura, provocando também o público a observar que tudo ali é construção. Tudo de forma mais leve.

Filho de psicóloga, Sterblitch faz do palco seu divã. Por meio da verborragia da montagem, ele continua sua busca por compreensão. A do público com ele e vice-versa.


Serviços

Use-Me – sábado (11), às 21h, no Teatro RioMar (Av. República do Líbano, 251, Pina). Ingressos: R$ 70 e R$ 35 (balcão nobre); R$ 80 e R$ 40 (plateias baixa e alta). Assinante JC tem 50% de desconto. Informações: 4003-1212

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

O Mundo de Rafa O Mundo de Rafa
Rafael foi diagnosticado com síndrome de Asperger apenas aos 11 anos. Seus desenhos contam pedaços muito importantes da sua história. Exprimem momentos de alegria, de comemoração e também de desabafo, de dor
Gastos dos parlamentares pernambucanos Gastos dos parlamentares pernambucanos
Os deputados federais da bancada pernambucana gastaram, no 1º semestre deste ano, R$ 5,1 milhões em verbas de cotas parlamentares. Já os senadores gastaram R$ 692 mil. Os dados foram coletados com base no portal da transparência da Câmara e do Senado
Um metrô ainda renegado Um metrô ainda renegado
São 32 anos de operação e uma eterna luta por sobrevivência. Esse é o metrô do Recife

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM