Jornal do Commercio
inesperado

Abacaxi deixado por jovem em museu vira ‘obra de arte’

O estudante Ruairi Gray esqueceu um abacaxi no museu da sua universidade e viu a fruto se tornar objeto de exposição

Publicado em 12/05/2017, às 19h49

O abacaxi deixado por Ruairi Gray foi incorporado pela exposição / Facebook/Reprodução
O abacaxi deixado por Ruairi Gray foi incorporado pela exposição
Facebook/Reprodução
JC Online

Ao visitar o museu da sua universidade, a Robert Gordon University (RGU), na cidade de Aberdeen, na Escócia, o estudante Ruairi Gray havia levado um abacaxi para fazer uma brincadeira com um amigo. Assim, ele simplesmente deixou o abacaxi em cima de um display vazio, para fingir que se tratava de um objeto da exposição.

Alguns dias depois, Ruairi Gray viu o abacaxi se tornar de fato parte da exposição do museu da Robert Gordon University. A fruta havia sido colocada dentro de uma redoma de vidro para proteção, como se fosse uma das obras de arte do local.



IRREAL

“Há alguns dias, eu coloquei um abacaxi perto de um display de arte. Entrei lá hoje e alguém da RGU o moveu para um display de vidro. Irreal”, escreveu o jovem.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM