Jornal do Commercio
SANTANDER CULTURAL

MinC se pronuncia sobre fechamento da exposição 'Queermuseu' no RS

Em nota, Ministério da Cultura diz que não cabe ao órgão 'avaliar o conteúdo dos projetos da Lei Rouanet'

Publicado em 13/09/2017, às 11h29

Exposição Queer Museu no Santander Cultural em Porto Alegre (RS) gerou protestos / Foto: Agência Estado
Exposição Queer Museu no Santander Cultural em Porto Alegre (RS) gerou protestos
Foto: Agência Estado
JC Online

O Ministério da Cultura se manifestou sobre o encerramento da exposição Queermuseu: Cartografias da Diferença na Arte Brasileira, acusada de fazer apologia à zoofilia e pedofilia e blasfêmia de símbolos religiosos.

"Não cabe legalmente ao Ministério da Cultura (MinC) avaliar o conteúdo dos projetos que buscam a chancela da Lei Rouanet. Haveria um forte risco de dirigismo cultural. Os proponentes são responsáveis pelo conteúdo dos projetos. Espera-se que cumpram as leis do País. Ao MinC, cabe fazer a análise técnica das propostas", diz a nota publicada pelo Ministério.



Prestação de contas

O Ministério da Cultura afirmou também que já solicitou "à empresa Rainmaker Projetos e Produções (CNPJ 03.910.474/0001-69), que envie uma prestação de contas parcial, para que seja avaliada a extensão dos impactos gerados pelo cancelamento da mostra nos objetivos propostos". A nota, informada pela assessoria do MinC, acrescenta que "diante da análise, será avaliado se há necessidade de compensação e a forma como será feita".


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

O Hobbit - 80 anos O Hobbit - 80 anos
Como a maioria dos hobbits, Bilbo Bolseiro leva uma vida tranquila até o dia em que recebe uma missão do mago Gandalf. Acompanhado por um grupo de anões, ele parte numa jornada até a Montanha Solitária para libertar o Reino de Erebor do dragão Smaug
Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM