Jornal do Commercio
Contemporâneo

Jace Souza assume a cozinha do Mingus com festival para o 8 de Março

O menu assinado pela chef é composto por receitas que exploram texturas e nuances de sabor

Publicado em 08/03/2017, às 21h02

Jacedna Souza é formada pelo Senac/PE / Ricardo B. Labastier/JC Imagem
Jacedna Souza é formada pelo Senac/PE
Ricardo B. Labastier/JC Imagem
Flávia de Gusmão

Na semana dedicada às mulheres, o restaurante Mingus anuncia duas novidades relacionadas entre si. A primeira delas é que, até o próximo dia 15, vigora na casa um menu feito especialmente para a ocasião. A segunda diz respeito a quem assina este menu, a chef Jace Souza que, a partir de agora, deixa o segundo posto na cozinha – o de subchef – e assume o comando integral com a saída do antecessor, Rogério Costa.

Composto por três entradas, quatro pratos principais e duas opções de sobremesas, com preços que variam de R$ 18 a R$ 64, Jace diz que buscou inspiração na diversidade de representações femininas que estão contidas na condição “ser mulher”. “Conheço tantas mulheres diferentes, em personalidades, contextos e características físicas...Por isso, quis criar uma seleção de receitas que visitasse sutilmente essas nuances de texturas e sabores. Um viva à diversidade”, explica.

Nascida em São Bento, na Paraíba, Jacedna Souza chegou ao Recife em 2009, aos 29 anos, disposta a pôr em marcha um sonho acalentado: tornar-se cozinheira profissional. Completou o curso técnico do Senac na área, emendando com a faculdade, tendo sido logo absorvida pelo mercado. Foi chef de sobremesa, de 2010 a 2012, no Ça Vá; ingressou no Mingus em 2013 para a mesma função. Sempre curiosa, não demorou para que se interessasse pelas praças de preparo de salgados e, daí, ascendesse como braço direito do titular da equipe, que hoje tem 50% do seu estafe composto por mulheres.

DELICADEZA

O menu elaborado por Jace Souza é, ao mesmo tempo, um excelente cartão de apresentação desta profissional, que foi entusiasticamente elogiada pela chef carioca Ludmila Soeiro, quando de sua passagem pelo Mingus como consultora. Soeiro, reconhecidamente uma das mais exigentes em sua área, viu na jovem colega um futuro promissor. Que parece estar se realizando da forma como deveria: passo a passo, sem pressa, com sede de aprendizado.

O capítulo de entradas concebido pela nova chef titular traduz uma perfeita escala de sabores: aqueles que apreciam algo mais delicado vão se deliciar com a terrine de frango com espinafre, folhas verdes e geleia de pêssego com chuchu. A samosa de cordeiro com chutney de jaca nos remete aos potentes aromas orientais e o creme brulée de Prima Donna com compota de tomate cereja é como uma sinfonia curta e sentimental.

Entre os principais, daria estrelinhas de ouro para o risoto de parma com espinafre, cogumelos frescos e azeite trufado, por ter aquele gosto terroso, de horta, que, aliado à cremosidade no ponto ideal do arroz, é puro conforto. Técnica e consciência de harmonização sobressaem nos medalhões de filé com croquete recheado de purê, pêra caramelizada e molho de gorgonzola. Jace Souza é uma estrela que sobe, e alto.

Mingus – Rua do Atlântico, 102, Pina, fone: 3465-4000

 

 

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM