Jornal do Commercio
Cinema e Surfe

Brasil divide 1º lugar no Festival de Cinema de Surfe na França

'impossível escolher entre essas duas produções, que tratam do mesmo tema: o vínculo histórico do surfe com seus próprios países', explicou o presidente do júri, Wilco Prins

Publicado em 14/07/2017, às 17h00

Poster 80 e Tal / (Foto: Divulgação)
Poster 80 e Tal
(Foto: Divulgação)
JC Online

O filme 80 e Tal, do brasileiro Rafael Mellin, compartilhou com Biarritz Surf Gang, dos franceses Nathan Curren e Pierre Denoyel, o prêmio do Festival de Cinema de Surfe encerrado na quinta-feira (13), em Anglet, no sudoeste da França.

Vitória

Ao fim da 14ª edição desse festival internacional, foi "impossível escolher entre essas duas produções, que tratam do mesmo tema: o vínculo histórico do surfe com seus próprios países", explicou o presidente do júri, Wilco Prins.



O diretor Rafael Mellin também recebeu o Prêmio de Melhor Edição e de Melhor Trilha Sonora.

O Prêmio do Público foi para os franceses Justine Maureen e Damien Castera por Kaleleleo, que relata um aventura para descobrir ondas virgens do outro lado do mundo.

Cold Lines, da também francesa Claudia Lederer, levou o Prêmio de Melhor Curta-Metragem "por sua finura e por sua elegância", segundo o júri.

 


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM