Jornal do Commercio
Filmes

'Jogos Vorazes' e 'Crepúsculo' podem ter continuação, diz CEO

Companhia só deve seguir planos se autoras dos livros toparem

Publicado em 10/08/2017, às 16h06

Blockbusters podem ganhar continuações  / Reprodução
Blockbusters podem ganhar continuações
Reprodução
Estadão Conteúdo

O CEO da Lionsgate, Jon Feltheimer, deu a entender que o estúdio não está pronto para acabar com as franquias Jogos Vorazes e Crepúsculo. Ele disse, porém, que a companhia só vai seguir com esses planos se entrarem em acordo com Stephenie Meyer e Suzanne Collins, autoras dos livros que inspiraram os filmes.

"Há muitas histórias a serem contadas, e nós estamos prontos para contá-las quando nossos criadores estiverem prontos para criarem essas histórias", disse Feltheimer durante reuniões com analistas financeiros na última terça-feira, 9.



REUNIÃO

O chefe da Lionsgate não quis fazer previsões para o futuro de Katniss Everdeen e Edward Cullen. "Se fosse possível reunir todos nós em uma sala e ter expositores, estúdios e distribuidores digitais todos em uma sala juntos, eu já fiz pesquisas suficientes para realmente acreditar que isso é algo que seria muito bom para todos", disse Feltheimer.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC recall de marcas 2017 JC recall de marcas 2017
Conheça o ranking das marcas que têm conseguido se manter no topo da preferência dos pernambucanos. O rol é resultado de uma pesquisa realizada pelo Instituto Harrop, há duas décadas parceiro do Jornal do Commercio na realização da premiação
10 anos do IJCPM 10 anos do IJCPM
O Instituto João Carlos Paes Mendonça de Compromisso Social (IJCPM) comemora 10 anos de história, contribuindo para transformar a vida de jovens de comunidades com histórico de desigualdade social nas cidades de Recife, Salvador, Fortaleza e Aracaju
Chapecoense: um ano de saudade Chapecoense: um ano de saudade
Um ano de saudade. Foi isso que restou. A maior tragédia do esporte mundial, no dia 29 de novembro de 2016, quando houve o acidente aéreo com a delegação da Chapecoense, em Medellín, na Colômbia, fez 71 vítimas. Entre elas, dois pernambucanos

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM