Jornal do Commercio
EDUCAÇÃO SEXUAL

Fernanda Lima diz que filhos assistem 'Amor & Sexo' e fazem perguntas

Apresentadora diz que acha importante que seus filhos, gêmeos de 8 anos, assistam ao programa

Publicado em 17/03/2017, às 09h12

A modelo e atriz Fernanda Lima comanda o 'Amor & Sexo' há sete anos / Foto: Isabella Pinheiro/ Divulgação
A modelo e atriz Fernanda Lima comanda o 'Amor & Sexo' há sete anos
Foto: Isabella Pinheiro/ Divulgação
JC Online

Em entrevista ao Vídeo Show, Fernanda Lima revelou que seus filhos, os gêmeos João e Francisco, de oito anos, assistem ao Amor & Sexo, programa que ela apresenta. E ainda questionam sobre os temas debatidos na atração.

“Quando eu chego em casa, me fazem mil perguntas. Algumas eu respondo, outras não. Prefiro que eles aprendam aqui, comigo, do que de uma maneira torta, que os reprimam, ou que os façam reprimir. E eles têm 8 anos, vamos lá aprender a serem homens”, afirmou.

Apesar de um possível desconforto, Fernanda acha que é importante que os pequenos vejam o programa. “As crianças assistem direto, veem e reveem, e aprendem aquela coisa de não precisar ser machão, de poder chorar, de poder se expressar. Ontem, eles estiveram aqui na gravação e eles adoram vir aqui”, disse.

DESCONSTRUÇÃO

Fernanda revelou que mudou seu modo de pensar devido à experiência no programa. "O que eu mais uso é o aprendizado que eu levo de Amor e Sexo. Já são sete anos fazendo este programa, e, sim, com certeza, a cada dia a gente vai aprendendo mais, se desconstruindo mais. Levo isso para a minha vida, levo isso para a minha cama, minha casa, os meus filhos”, concluiu.

Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.
#PeloCaminhar #PeloCaminhar
Mais do que mobilidade, caminhar também é apropriar-se da cidade. Mas o caminhar está difícil. A mobilidade a pé necessita de uma infraestrutura própria, decente, que eleve o pedestre ao posto maior. Por isso o JC lança a discussão #PeloCaminhar.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM