Jornal do Commercio
HOMENAGEM

Datena aparece em quadrinho da DC Comics: ‘Muito feliz’

O apresentador da Band fez uma participação especial numa história do Capitão Átomo, da DC Comics

Publicado em 06/04/2017, às 18h55

Detalha da HQ desenhada por Will Conrad com o apresentador Datena / Reprodução
Detalha da HQ desenhada por Will Conrad com o apresentador Datena
Reprodução
JC Online

A série em quadrinhos The Fall and Rise of Captain Atom (A Queda e Ascensão do Capitão Átomo, da DC Comics, contou com uma aparição ilustre – ao menos para os brasileiros – no seu último volume. Ninguém menos que o apresentador José Luiz Datena aparece como personagem da história, num papel que cai bem a ele: o de âncora televisivo.

Na cena, Datena é o apresentador de um programa jornalístico que repercute o reaparecimento do Capitão Átomo depois de anos. O apresentador entrevista o herói e comenta a sua volta.

'MUITO FELIZ'

Datena gostou da homenagem. No programa Brasil Urgente desta quinta (6), ele entrevistou o desenhista brasileiro que o inseriu na história, o mineiro Will Conrad – por sinal, convidado da CCXP Tour Nordeste, que acontece no Recife entre 13 e 16 de abril.



O apresentador comentou que, por estar no jornalismo policial, recebe poucas homenagens. “Quando recebo uma homenagem como essa, eu me considero muito feliz. Deus foi muito legal por momentos como este”, afirmou ao vivo Datena.

Conrad disse no programa que usou Datena como referência por ser uma das figuras mais importantes da televisão. Segundo Will Conrad, a HQ deve chegar ao Brasil no final deste ano.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM