Jornal do Commercio
Decidida

Fernanda Souza revela porque pediu demissão da Globo

Atriz está disposta a se dedicar como apresentadora

Publicado em 09/08/2017, às 22h03

Fernanda Souza está disposta a se dedicar como apresentadora de TV / Foto: Gianne Carvalho/Multishow
Fernanda Souza está disposta a se dedicar como apresentadora de TV
Foto: Gianne Carvalho/Multishow
JC Online

A notícia de que a atriz Fernanda Souza, de 33 anos, não é mais funcionária da TV Globo surpreendeu muita gente. Mas em entrevista para o blog de Keila Jimenez, no portal R7, a artista explicou o motivo da demissão: ela quer ser apresentadora.

“No meu último ano de contrato, informei a emissora que não tinha interesse naquele momento de fazer novelas para poder me dedicar inteiramente a fase ‘apresentadora'”, contou a atriz. “Sendo assim, não faria sentido a Globo renovar o contrato se eu não conseguiria fazer novela”, explicou.



Foi na própria Globo que Fernanda Souza descobriu sua vocação para apresentadora. “Tudo começou no The Voice Brasil, onde além de participar do programa com o Tiago Leifert, eu ainda apresentava dois programas ao vivo na web”, relembrou. “Dali em diante eu fiquei com muita vontade e prometi pra mim e pro Tiago (que passou a temporada dizendo que eu era apresentadora e que deveria insistir nisso) que eu ia correr atrás!”, afirmou.

SUCESSO

A carreira de Fernanda Souza apresentadora vai muito bem, inclusive. Ela acabou de garantir uma terceira temporada de seu Vai, Fernandinha, no canal fechado Multishow. Na Globo, foram 18 anos de serviço e 15 trabalhos como atriz.


Recomendados para você


Comentários

Por Adriana da Silva Elias,10/08/2017

Não precisa mais trabalhar né

Por RENE TIMM,10/08/2017

MILI,MILI, MILI, EU ME BASTO. AUTO CONFIANÇA, SOBERBA E SIMPATIA.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Educação, emprego e futuro Educação, emprego e futuro
Investir em educação é um pressuposto para o crescimento econômico, a geração de empregos e o aumento da renda. Aos poucos, empresas dos mais variados setores entram numa engrenagem antes formada apenas pelo poder público.
Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM