Jornal do Commercio
Entrevista

O sucesso da pernambucana Fabiana Karla no 'PopStar'

'Não me imagino longe da música', declara ela, que está disposta a se dedicar mais ao lado 'cantriz'

Publicado em 13/08/2017, às 05h30

Fabiana Karla tem adorado a experiência de 'cantriz' no palco do 'PopStar'. / Foto: Gshow/Divulgação
Fabiana Karla tem adorado a experiência de 'cantriz' no palco do 'PopStar'.
Foto: Gshow/Divulgação
Robson Gomes

A vida da atriz Fabiana Karla tem se tornado intensa nas últimas semanas. Aos 41 anos, a pernambucana vem curtindo a adrenalina de cantar ao vivo todos os domingos no reality PopStar, da TV Globo. Na correria dos ensaios, ela conseguiu falar com o Jornal do Commercio sobre esta experiência.

ENTREVISTA // FABIANA KARLA

JORNAL DO COMMERCIO – Fabiana, como o convite do PopStar chegou até você? Você aceitou de cara?
FABIANA KARLA – O convite veio através da direção, pelo Creso, e eu fiquei surpresa. De cara, eu pensei e achei que seria uma grande responsabilidade, mas também uma ótima oportunidade de mostrar uma outra faceta minha. Com uma equipe que eu já conheço e o time escolhido a dedo e comprometido, eu não poderia dizer não. Topei o desafio!

JC – Depois da estreia, você anda mais tranquila ou mais nervosa com as próximas semanas?
FABIANA – Acho que cada apresentação traz uma emoção diferente. Tem sempre aquele frio na barriga e a preocupação de agradar, de fazer bonito... Eu fico eufórica! Muito ansiosa!

JC – Como tem sido administrar a expectativa para os shows ao vivo do PopStar?
FABIANA – Não tenho medo do ao vivo, sou de teatro e já fiz TV ao vivo com essa equipe em horário nobre no Tomara Que Caia. Me preocupo com o antes, pra garantir o “valendo”, mas na hora tudo pode acontecer (risos).

JC – Qual o retorno que você já tem tido nas redes sociais sobre a sua participação?
FABIANA – Nunca imaginei que seria tão abordada nas ruas e que as pessoas fossem curtir tanto essa minha fase “cantriz” (risos)... Uma surpresa pra mim e ao mesmo tempo um grande termômetro.

JC – O repertório é escolhido pelo artista, confere? Você já cantou Zé Ramalho, Alceu Valença e até Marília Mendonça. A ideia é que vejamos você interpretando canções mais populares?
FABIANA – Eu escolhi junto com meu produtor musical Mauricio Oliveira, que já é um cara de muita experiência, um repertório que tivesse a minha cara popular, alegre, mas com algumas surpresas. Mas tudo pode mudar, assim como foi com Madonna na semana passada. (risos)



JC – Você já fez uma peça especial cantando Reginaldo Rossi. É possível que você o leve para o PopStar em alguma oportunidade?
FABIANA – Foi cogitado sim e está no repertório! Vamos ver o que acontece! Estamos em uma competição e os planos podem mudar.

JC – No palco, sua filha Laura ainda te dá apoio como backing vocal. O quanto é importante esse apoio da família pra você?
FABIANA – Muito importante! Hoje eu acostumei mais, porém na primeira vez... O coração quase atrapalhava um pouco a voz... Muita emoção, e uma linda oportunidade, que ela agarrou com muita garra e mérito dela, porque não dá pra ser a “indicada da mamãe” porque ou tem voz, ou não tem! E ela canta muito! Recentemente fomos a Londres e ela cantou no pub onde a Amy Winehouse cantou e foi muita emoção!

JC – PopStar é um programa musical, essencialmente, de interpretação. Profissionalmente, você já pensou em fazer algo autoral algum dia?
FABIANA – Eu escrevo músicas e guardo... Nunca tive muita coragem de mostrar, mas quem sabe surge algo depois, né? Está sendo tão legal, estou me transformando tanto como artista que parar isso vai ser uma dor! Acho que não me imagino mais longe da música, mas acho muito cedo pra falar disso (risos).

JC – Quem são as suas inspirações para ser uma popstar e por quê?
FABIANA – Minha maior inspiração, é nossa querida Bibi Ferreira que é uma grande diva e vive se reinventando, cheia de vigor. Uma grande intérprete, dona de uma voz potente e brilhante.

JC – Você está feliz em mostrar o lado musical de Fabiana Karla para todo o País? O que você pode dizer à sua torcida?
FABIANA – Galera! Vamos nos divertir muito! Prometo fazer bonito!


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC recall de marcas 2017 JC recall de marcas 2017
Conheça o ranking das marcas que têm conseguido se manter no topo da preferência dos pernambucanos. O rol é resultado de uma pesquisa realizada pelo Instituto Harrop, há duas décadas parceiro do Jornal do Commercio na realização da premiação
10 anos do IJCPM 10 anos do IJCPM
O Instituto João Carlos Paes Mendonça de Compromisso Social (IJCPM) comemora 10 anos de história, contribuindo para transformar a vida de jovens de comunidades com histórico de desigualdade social nas cidades de Recife, Salvador, Fortaleza e Aracaju
Chapecoense: um ano de saudade Chapecoense: um ano de saudade
Um ano de saudade. Foi isso que restou. A maior tragédia do esporte mundial, no dia 29 de novembro de 2016, quando houve o acidente aéreo com a delegação da Chapecoense, em Medellín, na Colômbia, fez 71 vítimas. Entre elas, dois pernambucanos

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM