Jornal do Commercio
SAÚDE

Poeta Lucila Nogueira está internada em estado grave

Expoente da Geração 65, ela teve um AVC nesta semana e está internada na UTI

Publicado em 22/12/2016, às 19h52

Lucila é poeta, crítica literária e professora / Alexandre Belém/JC Imagem
Lucila é poeta, crítica literária e professora
Alexandre Belém/JC Imagem
JC Online

A escritora, professora e crítica literária Lucila Nogueira está internada na UTI do Hospital Santa Terezinha, no Recife. Ela teve um AVC nesta semana e está em estado grave.

Por conta de um mal-entendido, amigos da escritora chegaram a falar que ela havia morrido na tarde desta quinta (22/12). A família já desmentiu a informação do falecimento.

POETA

Lucila nasceu no Rio de Janeiro em 1950. De origem luso-galega, viveu a maior parte da vida no Recife, seu local de residência até hoje. Seu primeiro livro, Almenara, foi lançado em 1979 - o primeiro de uma obra poética com mais de 20 títulos. A autora, além disso, é professora de Letras na UFPE desde 1989.

Palavras-chave

Recomendados para você


Comentários

Por Luiz Gondim,22/12/2016

Aprendi que o homem que escreve versos é poeta. E a mulher que escreve versos é poetisa. E aproveito para dizer que com as últimas reformas ortográficas que a nossa língua portuguesa está crescendo como rabo de jumento: para baixo.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM