Jornal do Commercio
ALCANCE

Composição da pernambucana Flaira Ferro chama atenção em redes sociais

Vídeo em que a artista canta "Me Curar de Mim" foi compartilhado pelo ator Reynaldo Gianecchini e já acumula mais de três mil compartilhamentos

Publicado em 05/01/2017, às 09h05

Música foi gravada por Flaira em 'Cordões Umbilicais', seu álbum de estreia / Foto: Reprodução/Facebook
Música foi gravada por Flaira em 'Cordões Umbilicais', seu álbum de estreia
Foto: Reprodução/Facebook
JC Online

Gravada no álbum Cordões Umbilicais (2015), da cantora, compositora e passista de frevo recifense Flaira Ferro, a música Me Curar de Mim tem chamado a atenção pelo relato íntimo que um eu-lírico questionador do próprio comportamento faz.

Musicada também por Flaira, a canção foi compartilhada, no último 31/12, pelo ator Reynaldo Gianecchini em sua página oficial no Facebook, junto a um vídeo em que a artista aparece interpretando sua composição. "Fiquei muito tocado com esse vídeo sensível e corajoso", escreveu Gianecchini.

Em um dos trechos, Flaira canta: "Sou a maldade em crise / Tendo que reconhecer / As fraquezas de um lado / Que nem todo mundo vê / Fiz em mim uma faxina e / Encontrei no meu umbigo / O meu próprio inimigo / Que adoece na rotina".

ASSISTA AO VÍDEO COMPARTILHADO POR REYNALDO GIANECCHINI

CARREIRA

Aluna de Nascimento do Passo, Flaira aprendeu com o mestre a arte do ritmo patrimônio e também se tornou referência em frevo. Foi para São Paulo, em 2012, como professora do Instituto Brincante, criado e dirigido por Antônio Nóbrega. Nessa época, passou a nutrir o desejo de construir um álbum.

À época do lançamento de Cordões Umbilicais, comentou em entrevista ao Jornal do Commercio. "Quando fui para São Paulo levei uma grana de reserva, para caso não desse certo querer voltar. Foi a grana que usei para gravar o disco, que foi feito também com a ajuda de parentes, dos amigos".

Após a repercussão causada pelo comentário de Gianecchini, ela agradeceu os vários elogios que tem recebido: "Depois de alguns poucos dias longe da internet, ontem peguei o celular e vi algumas mensagens de amigos dizendo que o ator Reynaldo Gianecchini havia compartilhado um vídeo meu cantando "me curar de mim" no TEDxUfpe. A mensagem da música realmente tem tocado muita gente que não conheço e depois do compartilhamento do ator tenho recebido constantemente e-mails de pessoas agradecendo a canção. Agora é minha vez de agradecer publicamente! Obrigada, de coração, por dedicarem alguns segundos de suas vidas para me escreverem coisas boas. Fico muito feliz com esse retorno positivo, de poder ser canal pra ajudar nessa corrente de autoconhecimento com arte e coração entregue. Entrego esse elogios à força criadora, dona de toda a sabedoria. Estamos aqui nessa passagem pra servir e ajudar uns aos outros! Obrigada! Que isso seja algum reflexo de mudanças reais, pela raiz, no coração de cada um de nós. Bem-vindo 2017!"

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Educação, emprego e futuro Educação, emprego e futuro
Investir em educação é um pressuposto para o crescimento econômico, a geração de empregos e o aumento da renda. Aos poucos, empresas dos mais variados setores entram numa engrenagem antes formada apenas pelo poder público.
Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM