Jornal do Commercio
RIO DE JANEIRO

Arlindo Cruz passa mal e está em coma induzido no Rio

Cantor foi encontrado inconsciente em casa, pela esposa, na tarde desta sexta (17)

Publicado em 17/03/2017, às 19h18

Ainda não há um diagnóstico a respeito do que o cantor teria sofrido / Foto: Divulgação
Ainda não há um diagnóstico a respeito do que o cantor teria sofrido
Foto: Divulgação
JC Online

O cantor Arlindo Cruz entrou em coma induzido na tarde desta sexta-feira (17). Ele foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), da Barra, Zona Oeste do Rio, pela mulher e pelo filho após passar mal em casa. Ele foi encontrado inconsciente pela esposa.

Segundo ela, o artista foi induzido ao coma para estabilizar os sinais e preservar os órgão vitais, o que viabilizaria a transferência dele da UPA para o Hospital São José, no bairro Humaitá. Até o momento, nem a família, nem a unidade de saúde, divulgaram algum diagnóstico a respeito do que o cantor teria sofrido.

Ele faria um show na noite desta sexta (17) em São Paulo e nessa quinta-feira (16), participou do musical 'Cartola – O mundo é um moinho'. Na ocasião, Arlindo se emocionou bastante por estar homenageando o cantor entre amigos. 

Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO
Pitú, Vitarela (macarrão) e Honda (motos) foram as três marcas mais lembradas pelo público pernambucano, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Harrop em parceria com o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC)
JC no Mundial JC no Mundial
Em meio a um cenário conturbado na política internacional, a Rússia espera ser o grande centro das atenções neste mês de junho, quando irá sediar pela primeira vez em sua história uma Copa do Mundo de futebol. Aqui você confire tudo sobre o Mundial.
Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM