Jornal do Commercio
POLÊMICA

Safadão fala sobre forró e sertanejo: 'Não pode perder a tradição'

Cantor defende que há espaço para todos. 'Prezo pelo respeito', afirmou

Publicado em 19/06/2017, às 09h52

Wesley Safadão / Foto: Divulgação
Wesley Safadão
Foto: Divulgação
JC Online

Wesley Safadão falou sobre a polêmica entre forró e sertanejo no São João. Em entrevista antes de subir ao palco do Parque do Povo, em Campina Grande, o cantor defendeu a mistura de ritmos.

"Quando rolam algumas polêmicas eu procuro não participar. Eu cheguei a escutar por cima o áudio do Alcymar Monteiro, acho que perdeu um pouco o respeito. Eu prezo muito por isso", disse em entrevista ao G1.



ESPAÇO PARA TODOS

Safadão defendeu também que há espaço para todos no São João. "Não tem isso de a Paraíba é do fulano ou do sicrano, todo mundo está buscando seu espaço. E se está bem, o povo quer ver e tem que trazer, mas também não pode perder o que é de essência e tradição", ponderou o músico.


Recomendados para você


Comentários

Por Rei,23/06/2017

Safadao nem forro canta, o som dele, assim como Aviões, é uma cópia mal feita do vanerao, do Rio Grande do Sul. O forró verdadeiro tá morrendo aos pouco. Infelizmente a juventude de hoje só consome porcaria e as grandes produtoras de eventos, como só visam lucro, vão colocar artistas que geram renda para eles. Aqui na Bahia mesmo, não existe mais festa de respeito. Só porcaria. A grade de programação dos eventos denominados arraiá, não consta forró. É triste ver a música nordestina morrer.

Por HENRIQUE,19/06/2017

O que estamos vendo é simplesmente a despedida do Forró das festas de São João. Como cantava Luiz Gonzaga na música "Noites Brasileiras". Ai que saudade que eu sinto Das Noites de São João Das noites tão Brasileiras das fogueiras Sob o Luar do Sertão...

Por Denis,19/06/2017

Acho que os artistas do sul os (sertanejos), deveriam cantar lá para as bandas deles, agora que alguém deve levar algum por fora para chamar estes (sertanejos) , porque os sertanejos são bem mais caros que os que fazem o forró nordestino, os cantores da região, Porque quando tem festas por exemplo: festa de Barretos não chamam os cantores nordestinos para fazerem as festa também, só chamam os sertanejos. Fora os sertanejos, e viva o forró pé de serra. esse Wesley Safadão defende os sertanejos porque ele depende de outros estados para sobreviver, se ele defender o Nordeste ele é queimado lá fora, este cara é mesmo um SAFADÃO.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Educação, emprego e futuro Educação, emprego e futuro
Investir em educação é um pressuposto para o crescimento econômico, a geração de empregos e o aumento da renda. Aos poucos, empresas dos mais variados setores entram numa engrenagem antes formada apenas pelo poder público.
Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM