Jornal do Commercio
Mera mortal

Filha de Silvio Santos, Patrícia Abravanel voa de classe econômica

Segundo jornalista, Patricia tinha passagem na classe executiva, mas perdeu o privilégio ao adiar a viagem

Publicado em 13/03/2017, às 12h30

Apresentadora adiou o voo e não conseguiu embarcar na classe executiva. / Foto: Leonardo Nones/SBT
Apresentadora adiou o voo e não conseguiu embarcar na classe executiva.
Foto: Leonardo Nones/SBT
JC Online

Patricia Abravanel, filha do apresentador Silvio Santos, chegou ao Brasil na manhã deste domingo (12) após férias no Estados Unidos. Mas a apresentadora do Máquina da Fama, de acordo com o jornalista Daniel Castro, voltou para São Paulo de classe econômica, como a maioria dos mortais do voo JJ 8087 da Latam, de Orlando a Guarulhos.

Ainda segundo o jornalista do portal Notícias da TV, Patricia tinha bilhete na classe executiva, mas adiou a viagem em uma semana e perdeu o privilégio. Para embarcar no último sábado na classe executiva, teria que desembolsar uma boa diferença.

MOTIVO DO RETORNO

A mesma nota diz que informações não confirmadas garantem que Patrícia Abravanel regressa aos estúdios do SBT nesta terça (14) para gravar o piloto do novo Show do Milhão. Se o teste for aprovado por Silvio Santos, que permanece de férias nos EUA, a apresentadora deve gravar o primeiro programa ainda nesta semana, para estrear no sábado (18).

Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Recife em Transformação Recife em Transformação
A cidade e o desafio de traçar o seu futuro
Zika em mil dias Zika em mil dias
Já se passaram quase 2 anos e meio desde que o JC anunciou a explosão de casos de recém-nascidos com microcefalia. Muitas dessas crianças já completaram os seus primeiros mil dias de vida. Famílias e especialistas revelam o que aconteceu nesse período
Logística e inovação Logística e inovação
Você sabe o que é logística? Ela parece invisível, mas está presente no nosso dia a dia, encurtando distâncias. Quando compramos uma maçã no supermercado, muitas vezes não nos damos conta do caminho que percorreu até chegar a nossas mãos

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM