Jornal do Commercio
JUSTIÇA

Marcelo Serrado é acusado de dar calote de R$ 100 mil

Decoradora afirma que não foi paga pelos serviços realizados na cobertura de dois andares do ator

Publicado em 17/05/2017, às 11h23

Marcelo Serrado:
Marcelo Serrado: "a casa onde moro está inabitável"
Foto: Divulgação
JC Online

O ator Marcelo Serrado está brigando na Justiça para não ter que pagar uma dívida no valor de R$ 100 mil. De acordo com informações da edição da última terça-feira (16) da revista Veja, o ator está sendo processado pela decoradora Claudia Hauer, sob acusação de calote.

A publicação afirma que Claudia foi responsável por um serviço na casa do ator, uma cobertura de dois andares, localizada na zona sul do Rio de Janeiro, que acabou não sendo pago. Agora, ela exige um acerto de contas de R$ 99 mil, sem contar valores relacionados a juros e danos morais. O contrato que ela tinha com o ator foi rescindido.



Marcelo, por sua vez, não nega a dívida, mas afirma que o dinheiro não foi pago porque o serviço foi "mal feito".

PROCESSO

No processo, Claudia diz que chegou a receber cheques de Marcelo, mas que eles acabaram sendo devolvidos. O caso está na 19ª Vara Cível do Rio de Janeiro desde 2015. Nele, Serrado pede que a Justiça obrigue a decoradora a ressarci-lo pelo o que ele diz ter gastado em consertos após Claudia ter deixado o trabalho. Ele diz que a casa onde mora está "inabitável".


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

O Mundo de Rafa O Mundo de Rafa
Rafael foi diagnosticado com síndrome de Asperger apenas aos 11 anos. Seus desenhos contam pedaços muito importantes da sua história. Exprimem momentos de alegria, de comemoração e também de desabafo, de dor
Gastos dos parlamentares pernambucanos Gastos dos parlamentares pernambucanos
Os deputados federais da bancada pernambucana gastaram, no 1º semestre deste ano, R$ 5,1 milhões em verbas de cotas parlamentares. Já os senadores gastaram R$ 692 mil. Os dados foram coletados com base no portal da transparência da Câmara e do Senado
Um metrô ainda renegado Um metrô ainda renegado
São 32 anos de operação e uma eterna luta por sobrevivência. Esse é o metrô do Recife

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM