Jornal do Commercio
Confusão

Namorada de Pe Lanza, ex-Restart, diz que sogra tentou agredi-la

Segundo Gabriela Merjan, mãe do músico tentou feri-la com tesoura

Publicado em 19/06/2017, às 15h52

Gabriela Merjan e Pe Lanza alegam ter problemas com Leni Lanza, mãe do cantor. / Foto: Instagram/@pelanza/Reprodução
Gabriela Merjan e Pe Lanza alegam ter problemas com Leni Lanza, mãe do cantor.
Foto: Instagram/@pelanza/Reprodução
JC Online

Gabriela Merjan, 23 anos, namorada do músico Pe Lanza, 25, que fez parte do extinto grupo Restart, assumiu através de post no Instagram que agrediu a sogra na última quarta-feira (14). De acordo com o portal R7, o pronunciamento aconteceu após o programa Balanço Geral, da Record TV, divulgar que o casal havia batido na mulher.

Segundo Gabriela, Pe Lanza só interviu para apartar a briga. O motivo da confusão entre elas são os supostos maus tratos ao cachorro da jovem, além de constantes provocações.

"Ela veio me xingar. Na verdade, já é de tempos que ela me odeia e me xinga. Chutava meu cachorro e eu só cuidava da dela porque ela nunca cuidou da cachorra, passava meses sem banho, não comia e etc. Até que um dia eu não aguentei mais ser xingada quieta e xinguei também! Aí ela não aguentou, veio para cima de mim e tudo mais. Aí eu bati pra me defender. O Pedro berrava para gente parar, e ela não largava meu cabelo. Eu já estava no chão e ela continuava a me bater. Até que o Pedro segurou os braços dela. Ela veio com uma tesoura de ponta falando que iria me matar. Foi quando eu falei que iria embora e me tranquei no quarto. Estou cheia de roxos na perna e corte no braço", comentou Gabriela Merjan no Instagram.

Em entrevista ao R7, Gabriela diz que, para se defender, mordeu um dos dedos de Leni Lanza. "Ela me jogou no chão. Fiz isso apenas para me defender. Ela tem muito ciúmes do filho e já fez de tudo para atrapalhar nosso relacionamento. Estou com hematomas que foram fotografados e apresentarei para a Justiça", diz Gabi.



O casal, que ficou sabendo do boletim de ocorrência enquanto voltava do Rio para São Paulo, disse que também procurará a polícia para apresentar sua versão.

DECEPÇÃO

Ainde de acordo com o portal, Pe Lanza comentou que está decepcionado com a mãe e que tem um vídeo que prova o ataque de fúria de Leni. "Nas imagens, ela aparece com uma panela de inox na mão ameaçando a Gabi. Eu estava viajando quando soube dessa história e agora estou com medo de apanhar na rua por ser considerado um agressor da minha própria mãe. O que é mentira. Eu apenas separei as duas, porque a cena era caótica. Minha mãe tem histórico de agressividade. Meu pai saiu de casa por conta disso", relata.

Pe Lanza conta que inclusive deixará de morar com a mãe a partir de agora e que já procura um apartamento. "Sempre tentei ajudá-la de todas as maneiras. Inclusive emprestei R$ 200 mil para ela gerenciar os negócios. Dinheiro que eu guardei para começar minha vida sozinho. E agora, que estou retomando a carreira, vejo meu nome envolvido nisso. Lamentável demais. Vou provar a verdade".


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM