Jornal do Commercio
Economia mundial

Riqueza mundial cresce 27% em uma década

Estados Unidos é responsável por 33% da riqueza mundial

Publicado em 14/11/2017, às 12h38

Em um ano, riqueza da China cresceu 6,3% e da Europa, 6,4%. / Foto: AFP
Em um ano, riqueza da China cresceu 6,3% e da Europa, 6,4%.
Foto: AFP
AFP

A riqueza mundial cresceu 6,4% entre meados de 2016 e meados de 2017, segundo um estudo publicado nesta terça-feira pelo Credit Suisse, que enfatiza que a fortuna global aumentou 27% em uma década.

O relatório anual do Credit Suisse, número dois do setor bancário suíço, assinala que a alta pode ser atribuída principalmente aos lucros dos mercados de ações, que aumentaram sensivelmente desde a crise de 2007.

Os ativos não financeiros como os imobiliários, superaram, com 2%, pela primeira vez os níveis de antes da crise.

Os lares americanos foram os principais beneficiários desta reativação do mercado de ações. Os Estados Unidos representam a metade da alta das riquezas observadas em doze meses.

Em nove anos, o patrimônio dos lares americanos cresce sem parar, avaliado em uma média de 388.585 dólares por adulto em meados de 2017, segundo o banco suíço na oitava edição de seu informe mundial sobre a fortuna.



O banco avalia que a renda do país alcança os 93,6 trilhões de dólares, 33% da riqueza mundial e reúne a maior quantidade de fortunas individuais do mundo, que, por sua vez, controlam mais de 1% da riqueza global. O país tem 43% dos milionários do planeta.

A riqueza da China cresceu 6,3% em um ano, em meados de 2017, e a da Europa, 6,4%.

A Suíça continua sendo o país onde a fortuna dos habitantes é a mais elevada, com um patrimônio médio de 537.599 dólares. 

O estudo destaca fortes disparidades. Os dois segmentos superiores da pirâmide representa 10% da população que concentra 86% da riqueza mundial.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO
Pitú, Vitarela (macarrão) e Honda (motos) foram as três marcas mais lembradas pelo público pernambucano, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Harrop em parceria com o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC)
JC no Mundial JC no Mundial
Em meio a um cenário conturbado na política internacional, a Rússia espera ser o grande centro das atenções neste mês de junho, quando irá sediar pela primeira vez em sua história uma Copa do Mundo de futebol. Aqui você confire tudo sobre o Mundial.
Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM