Jornal do Commercio
GÁS DE COZINHA

Petrobras reajusta preço de botijões de até 13 kg em 9,8% em média

O reajuste entra em vigor à zero hora da próxima terça-feira (21)

Publicado em 18/03/2017, às 10h48

Ajuste anunciado foi aplicado sobre os preços praticados pela Petrobras sem incidência de tributos / Foto: Pedro Ventura/ Agência Brasília
Ajuste anunciado foi aplicado sobre os preços praticados pela Petrobras sem incidência de tributos
Foto: Pedro Ventura/ Agência Brasília
Estadão Conteúdo

A Petrobras informa que reajustará os preços do gás liquefeito de petróleo (GLP) para uso residencial vendido em botijões de até 13 kg em 9,8%, em média. O reajuste entra em vigor à zero hora da próxima terça-feira (21).

O ajuste anunciado foi aplicado sobre os preços praticados pela Petrobras sem incidência de tributos. Se for integralmente repassado aos preços ao consumidor, a companhia estima que o botijão de 13 kg pode subir 3,1% ou cerca de R$ 1,76 por botijão, isso se forem mantidas as margens de distribuição e de revenda e as alíquotas de tributos. A empresa destaca ainda que o último reajuste feito por ela ocorreu em 1 de setembro de 2015.

Correção atual não se aplica ao GLP destinado a uso industrial

A correção atual não se aplica ao GLP destinado a uso industrial. "Como a lei brasileira garante liberdade de preços no mercado de combustíveis e derivados, as revisões feitas pela Petrobras nas refinarias podem ou não se refletir no preço final ao consumidor. Isso dependerá de repasses feitos especialmente por distribuidoras e revendedores", ressalta a empresa.

Recomendados para você


Comentários

Por Alessandra,18/03/2017

Esse é o governo Temer=Governdo Dilma= Eduardo Campos=Renam=...



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.
#PeloCaminhar #PeloCaminhar
Mais do que mobilidade, caminhar também é apropriar-se da cidade. Mas o caminhar está difícil. A mobilidade a pé necessita de uma infraestrutura própria, decente, que eleve o pedestre ao posto maior. Por isso o JC lança a discussão #PeloCaminhar.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM