Jornal do Commercio
PUBLICIDADE

Tirinhas do Bode Gaiato são escolhidas para estampar campanha do Google

Além do Bode, outros personagens famosos, como a Chloe e Giovanna do Forninho foram escolhidos pela empresa para a campanha

Publicado em 25/05/2017, às 16h01

Criador do personagem participou de encontro para oficializar a campanha em São Paulo  / Foto: Reprodução/Instagram Breno Melo
Criador do personagem participou de encontro para oficializar a campanha em São Paulo
Foto: Reprodução/Instagram Breno Melo
Editoria de Economia

A internet está ficando pequena para o Bode Gaiato. O personagem, criado pelo pernambucano Breno Melo, foi um dos escolhidos pelo Google para estrelar campanhas publicitárias da empresa.

A oficialização do convite ocorreu em um encontro promovido pela companhia na última segunda-feira (22), em São Paulo. Além do criador do Bode, compareceram ao evento o youtuber Whindersson Nunes, dono do maior canal no Youtube do Brasil, com mais de 20 milhões de seguidores, a apresentadora Maísa e a menina Chloe, cuja foto é um dos memes mais famosos da internet.

Segundo Breno Melo, a foto do Bode Gaiato vai estampar outdoors, comerciais de televisão e outras peças publicitárias da Google.

"Eles escolheram vários personagens famosos da internet para essa campanha e o Bode foi um deles. Não tem preço ver sua criação fazendo parte da campanha de uma das maiores marcas do mundo", disse ele. 

Ontem foi um dia muito especial, a realização de mais um sonho. Ver a sua criação fazendo parte da campanha de uma das maiores marcas do mundo não tem preço. Sem falar de estar entre tanta gente gigante da internet. Tenho só a agradecer ????????



Uma publicação compartilhada por Breno Melo (@brenomeloo) em

História


Breno Melo, o criador do Bode Gaiato é o responsável por todas as postagens da página até hoje, quatro anos após sua criação. Nascido em Recife, mas vivendo em Caruaru, o jovem de 23 anos conta que a página surgiu de forma despretensiosa, mas com apenas dois meses de existência, já se tornou sua fonte de renda, o que é até hoje. Ele não fala em números, mas relata que a marca é muito buscada por empresas de diversas áreas, que buscam se associar ao sucesso do personagem.

"Eu escolhi um Bode por achar um animal naturalmente engraçado. Fiquei entre um bode e um jumento, mas escolhi ele. Você olha para um Bode e ri, fora que é um dos animais que simbolizam nossa região. As montagens eu faço em dois minutos e compartilho. O Bode mudou completamente a minha vida e hoje eu vivo exclusivamente disso, dá pra pagar o cuscuz", brinca ele. 

O sucesso o surpreende até hoje. O sucesso da brincadeira nunca foi esperado, nem na previsão mais otimista.

"Tem gente que chega para mim falando que está vivendo situações difíceis e encontra conforto no humor das postagens, que lembra da sua terra através das coisas do Bode. Isso me motiva", diz Breno. 


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores
#ACulpaNãoÉDelas #ACulpaNãoÉDelas
Histórias de mulheres que passaram anos sendo agredidas por seus parceiros e, com medo, permaneceram em silêncio. Essa série de reportagem discute novos olhares no enfrentamento às agressões contra a mulher, até porque a culpa não é delas

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM