Jornal do Commercio
Emprego

Arena da Copa tem mil vagas para setor de alimentos e bebidas

As oportunidades são para área operacional dos bares e das lanchonetes, em funções de supervisão e de coordenação, e para caixas e vendedores. Não é preciso experiência

Publicado em 06/02/2014, às 18h41

Da Editoria de Economia

Os estádios da Copa do Mundo estão com 12 mil vagas temporárias abertas para atuar no setor de alimentos e bebidas durante o mundial. São mil oportunidades por cidade-sede (Recife, Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Porto Alegre, Salvador, Fortaleza, Natal, Cuiabá e Manaus).

A seleção será feita pela CSM Catering, empresa de hospitalidade e gestão de eventos do grupo CSM Brasil. A campanha “Quero Vestir a Camisa” tem vagas para a área operacional dos bares e das lanchonetes, em funções de supervisão e de coordenação, e para caixas e vendedores.

O único pré-requisito é ser maior de 18 anos, brasileiro ou estrangeiro com visto de trabalho no Brasil. Não é preciso ter experiência, pois quem for recrutado após a triagem dos cadastros passará por um processo de treinamento específico para cada função.

As inscrições devem ser feitas exclusivamente pelo site www.querovestiracamisa.com, até o dia 15 de março.





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva
Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção
Carga horária excessiva, más condições de trabalho, terminais sem estrutura apropriada e os riscos ocupacionais aos quais estão submetidos. O transporte rodoviário está em quarto lugar entre as profissões com mais com comunicações de acidentes de trabalh
#UmaPorUma #UmaPorUma
Existe uma história para contar por trás de cada assassinato de mulher em Pernambuco. Uma por uma, vamos contar todas. Mapear onde as mataram, as motivações do crime, acompanhar a investigação e cobrar a punição dos culpados. Um banco de dados virtual.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM